26/06/2019 às 09h24min - Atualizada em 26/06/2019 às 09h24min

Amazon iniciará produção de conteúdo original no Brasil

FLÁVIO RICCO | COLABORAÇÃO: JOSÉ CARLOS NERY
Uma notícia que mexe geral no mercado - consumidor, atores, técnicos, produtoras...: a plataforma de streaming Amazon já tem planos traçados para iniciar a produção de conteúdo original no Brasil. Providências em torno começam a ser tomadas, inclusive com conversas bem encaminhadas com profissionais da área. Não é possível ainda falar em datas, mas a disposição é trabalhar com prazos bem estreitos. Antecipar ao máximo o início da sua operação. Por meio de licenciamento, já é possível encontrar algumas realizações da Medialand no Amazon Prime Vídeo, além da série “Homens?”, com Fábio Porchat. Porém, até agora, nenhuma produção brasileira original. Já se observa, inclusive, um movimento mais forte por parte de algumas produtoras, buscando tornar possível o oferecimento dos seus serviços. Isso certamente vai marcar “um novo tempo” na concorrência do streaming, que já é muito forte, entre Globoplay e Netflix. Sorte do mercado.

TV Tudo

Nova personagem

Foto: Divulgação

Simone Soares será a próxima novidade de “Topíssima”, novela da Record. Entra como Helena, mãe de Gustavo (Marcelo Arnal), que aparece de surpresa na festa de noivado do filho.

Enferrujada
Essa volta mais arrojada da Band às competições esportivas tem ainda alguns percalços. Por exemplo: no mundial feminino, Suécia e Estados Unidos, a transmissão só entrou quase ao final da execução dos hinos. Falta de respeito.

E por quê?
O atraso na entrada da transmissão do futebol aconteceu porque o “Melhor da Tarde”, que o antecedeu, entregou atrasado. A sua produção esqueceu que ainda precisava pagar um break. TV Camanducaia perde.

Ponto a favor
O lado positivo desta volta da Band ao esporte já se reflete na sua audiência. Os últimos números, com mundial feminino, comprovam que já foi possível abrir uma diferença confortável em relação à Rede TV! na média/dia.

Fora da lista
Fernanda Montenegro, após a participação nos primeiros capítulos de “A Dona do Pedaço”, ainda não tem um novo compromisso na Globo. As informações que circularam sobre sua entrada no projeto de época “Anjo de Hamburgo” não se confirmaram. Está fora dessa. As gravações da série começam no segundo semestre.

No mercado
Como já era previsto, a Record não renovou contrato com os colaboradores da versão inicial de "Gênesis", feita por Gustavo Reiz. Estavam no grupo Ana Maria Moretzsohn, Brunno Pires, Mariana Vielmond, Alexandre Teixeira, Stephanie Martins e Beatris Gonçalves. O escritor Emílio Boechat assumiu a trama.

Impasse
Ainda da Record, entre prós e contras, ainda não há uma decisão se será ou não mantido um segundo horário de novelas inéditas. Tanto é que até agora nada foi conversado sobre a substituta de “Topíssima”.

Festejos – 1
Simaria, da dupla com Simone, que costuma ser bem reservada, fez aniversário na segunda, mas a festa será hoje. Um buffet, em São Paulo, já foi contratado para receber seus amigos.

Festejos – 2
Hoje, também em São Paulo, Lívia Andrade vai fazer uma festa junina, comemorativa ao seu aniversário que passou. O povo está bem animado.

Bom resultado


Foto: Sérgio Zalis/Globo/Divulgação


Com pouco mais de dois meses de exibição, “Malhação: Toda Forma de Amar”, tem resultados melhores de audiência que nove das dez temporadas anteriores. Só fica atrás de "Viva a Diferença", vencedora do Emmy Kids Internacional 2018. São 18 pontos de média com 33% de participação, considerando as nove primeiras semanas de exibição.

Bate – Rebate
  • Amaury Júnior tem reservado boa parte do seu tempo para os preparativos de lançamento da BrazTV. É a televisão que ele entrou como sócio nos Estados Unidos, em Orlando.

  • Flávia Alessandra será mãe de Juliana Paiva em “Salve-se Quem Puder”, do Daniel Ortiz, na fila das 19 horas da Globo. Na real, a diferença de idade entre as duas é de 18 anos. Não chega só de 7, como o de Betty Faria e Marco Nanini, mãe e filho, em “A Dona do Pedaço”. Aliás, as informações de agora é que, no seguir da novela, o autor Walcyr Carrasco vai dar um jeito nisso. Talvez até antes do grupo de discussão marcado para o próximo dia 5, em São Paulo.

C´est fini
A coluna passou batido. Trata-se de algo já noticiado e comentado, mas que a qualquer tempo vale falar, diante do tamanho absurdo: o “Top Chef”, da Record, programa de culinária, teve a sua classificação indicativa alterada. Não pode mais ser assistido por menores de 10 anos. Com toda certeza, com medo de alguém se queimar na cozinha.

Então é isso. Mas terça-feira tem mais. Tchau!




*O conteúdo desta coluna é de responsabilidade do autor e não representa, necessariamente, a opinião do Diário de Uberlândia.
Tags »
Relacionadas »
Comentários »