28/01/2018 às 05h51min - Atualizada em 28/01/2018 às 05h51min

Folhas leves e saborosas para uma vida saudável

Rúcula tem poucas calorias, é rica em vitaminas e ajuda intestino

LARA PIRES | FOLHAPRESS

A rúcula é muito utilizada na culinária, pois é saborosa e nutritiva. Rica em vitaminas, ela gera benefícios à saúde.

A nutricionista Julianna Martins, da Estima Nutrição, afirma que o vegetal tem bastante niacina, vitamina que melhora a digestão, diminui o colesterol ruim e reduz o risco de enrijecimento das artérias. O controle do diabetes, a produção de hormônios sexuais e o ganho de massa magra são outras vantagens, diz. "É um alimento muito rico."

Outras de suas vitaminas são a A, que auxilia na formação do colágeno e na renovação celular; a C, que fortalece o sistema imunológico; e a K, que auxilia na função neurológica e também na absorção do cálcio pelo organismo.

"Ainda tem fósforo, importante à saúde óssea e ao combate à fadiga, e zinco, que previne doenças crônicas e vasculares, regula o sistema endócrino e combate o envelhecimento precoce", completa.

Sarina Occhipinti, especialista em nutrição funcional, destaca outros benefícios: "A rúcula, da família das crucíferas, está ligada à prevenção e ao tratamento de tipos de câncer. Suas fibras são essenciais ao funcionamento do intestino".

A profissional indica que as folhas não passem por processo de cozimento. "O ideal é consumi-las frescas e cruas. E nunca deixe que fiquem expostas a temperatura superior a 37ºC", completa.

Para Julianna, a única restrição é para pessoas com problemas renais: "Todo alimento fonte de potássio e fósforo deve ser evitado por esses pacientes."

Para quem está de dieta, é uma boa pedida, já que 100 g têm 13 calorias.

Confira nesta página receita para saladas com o ingrediente.
 
RECEITAS

Salada de rúcula com manga

 
- Ingredientes
3 col. (sopa) de vinagre balsâmico
1 col. (sopa) de mostarda
⅔ de xíc. (chá) de azeite extravirgem Sal e pimenta-branca a gosto
2 col. (café) de canela
1 maço de rúcula
1 manga cortada em cubos
½ xíc. (chá) de tomate-cereja cortado em quatro partes
 
- Modo de preparo
Bata o vinagre com a mostarda e adicione o azeite em fio fino até engrossar. Tempere com o sal, com a pimenta e com a canela. Mexa delicadamente. Lave as folhas de rúcula em água corrente e as rasgue com as mãos. Em uma travessa, arrume as folhas, os pedaços de manga e o tomate. Regue com o molho e sirva imediatamente.

Salada de nhoque com rúcula
 
- Ingredientes
Nhoque
300gde batatas cozidas e espremidas
1 col. (sopa) de manteiga
1 saco de tempero em pó sabor legumes
2 gemas de ovo
½ xíc. (chá) de farinha de trigo
1 col. (sopa) de azeite
 
Pesto
30 g de ricota defumada ralada
½ xíc. (chá) de azeite
1 dente de alho pequeno
½ xíc. (chá) de manjericão picado
8 amêndoas picadas
 
Salada
1 maço de rúcula
1 xíc. (chá) de tomates-cereja cortados ao meio
½ talo de erva-doce em tiras
1 xíc. (chá) de lentilhas cozidas
 
- Modo de preparo
Nhoque
Em um recipiente, misture bem as batatas, a manteiga e o tempero. Adicione as gemas e a farinha de trigo aos poucos, amassando bem até formar uma massa que desgrude das mãos. Faça rolinhos sobre uma superfície limpa e corte no formato de nhoques médios. Cozinhe em água fervente até que subam à superfície. Escorra e passe pela água fria para interromper o cozimento. Deixe-os dourar em uma frigideira grande com o azeite. Reserve.
Pesto
Bata os ingredientes no liquidificador até ficarem um molho cremoso. Reserve.
Salada
Em um prato grande, arrume as folhas de rúcula e, sobre elas, disponha os tomates, a erva-doce e as lentilhas, misturando levemente. Distribua os nhoques e regue tudo com o pesto. Sirva a seguir.
 
Dica: Procure usar batatas menos úmidas, evitando o excesso de farinha de trigo na massa. Muita farinha deixa a receita pesada após cozida. Para facilitar, polvilhe farinha de trigo quando for modelar os nhoques.
Tags »
Notícias Relacionadas »
Comentários »