14/12/2017 às 17h33min - Atualizada em 14/12/2017 às 17h33min

Paulo Gomes é homenageado

ALBERTO GOMIDE | COLUNISTA
Foto: Divulgação

 

Uma homenagem muito justa e bonita foi prestada dia desses a um dos ícones do futebol amador de Uberlândia. Quem o conhece sabe bem do seu valor como cidadão, chefe de família, amigo e pelos serviços prestados ao longo de décadas em favor do futebol uberlandense, principalmente de base. A única coisa que ele não tinha como meta era ganhar dinheiro. Pelo contrário, sempre foi um voluntário que, muitas vezes, tirava do seu para desenvolver metas e projetos. Ensinar futebol às crianças e dar a elas a consciência de formação como cidadãos estava em primeiro plano. Por iniciativa de um grupo de amigos, Paulo Gomes de Almeida (nascido em 25/01/1934) recebeu o carinho de companheiros, quando foi promovido um jogo no poliesportivo Segismundo Pereira com jogadores dos anos 80/90 que disputavam o campeonato amador da cidade e atletas que atuaram na equipe de juniores do Ipiranga, quando era treinado pelo próprio Paulinho, no campo de terra do bairro Segismundo Pereira. Entre os presentes ao evento estavam o ex-goleiro Edinho, do Santa Mônica na época, Mairon César, Orciano, Luiz Alberto e o pai Marinone, Luizinho Tavares, Nado, Biro Biro, Daltinho, Irênio, Gerlan, o goleiro Moacir e o irmão Paulinho. Um convidado especial chamado para a homenagem foi outro líder do futebol amador na época: Ary dos Santos (nascido em 16/03/1934), nome que também faz parte da história do futebol uberlandense, principalmente do Grêmio Esportivo Ipiranga. Ary dos Santos se dedicou ao Ipiranga de 1967 a 2005, quando o clube encerrou suas atividades. Como massagista, roupeiro, zelador do estádio, responsável pelas locações do campo, era o “braço direito” de Odilon Guarato, criador da equipe, uma das grandes forças do futebol de Uberlândia. Ary fez questão de estar presente e abraçar o amigo e batalhador Paulinho. Na foto, Paulo Gomes e Ary dos Santos.

 

Engenharia vence Olimpíada UFU

Foi um mês de muita disputa durante a realização da edição 2017 da Olimpíada Universitária da UFU, que reuniu 23 cursos, com acadêmicos regularmente matriculados nos cursos de graduação ou pós-graduação da instituição, inclusive dos campus de Monte Carmelo, Ituiutaba e Patos de Minas. O evento é organizado anualmente pela Pró-Reitoria de Assuntos Estudantis (Proae), por meio da Divisão de Esportes e Lazer Universitário (Diesu). Ao final da competição, a Engenharia somou 473 pontos e sagrou-se campeã, vindo na sequência a Educação Física com 353, Medicina com 253, Monetária com 235, Fisioterapia com 173, Exatas com 143, Direito com 119, Moca com 99, Artes com 88, Agrárias com 84, Humanas-Uberlândia com 75, Psicologia com 71, Computação com 70, Engenharia-Pontal com 64, Enfermagem com 63, Nutrição com 61, Biologia-Pontal com 56, Márcio Teixeira-Odonto com 53, Eng. e Biotecnologia com 52, Biologia-Uberlândia com 51, Científica com 50, XVII de Julho com 5, e a Humanas-Pontal com -22 pontos.

 

FMFS tem nova diretoria

A Federação Mineira de Futsal elegeu no início da semana seu novo presidente para o próximo quadriênio. A chapa única encabeçada por José Raimundo de Carvalho recebeu 12 votos e vai comandar os destinos do futsal mineiro. José Raimundo tem 30 anos dedicados ao futsal. Desde 2010 integra a FMFS, onde já ocupou os cargos de Diretor Técnico e de Arbitragem. Em fevereiro de 2016 se tornou vice do então presidente, Paulo Ladeia. Com a renúncia do mesmo, José Raimundo assumiu a presidência em março de 2016. A próxima administração se inicia em 1º de janeiro de 2018 até 31 de dezembro de 2021. Seu vice é Pedro Henrique Dornas de Assunção.

Leia Também »
Comentários »