10/05/2019 às 17h00min - Atualizada em 10/05/2019 às 17h00min

Verdão e Coimbra decidem o título

Verdão precisa vencer por qualquer placar para comemorar o título da competição; Coimbra joga pelo empate

DA REDAÇÃO
Equipe uberlandense já garantiu o acesso à elite do mineiro na temporada | Foto: UEC/Divulgação

Está chegando ao final a temporada 2019 do Campeonato Mineiro – Módulo II e neste sábado (11) será enfim conhecido o campeão. Com presenças já garantidas na elite estadual do ano que vem, Uberlândia Esporte Clube e Coimbra fazem o embate final, às 16h, na Arena do Jacaré em Sete Lagoas. Na noite da última quarta-feira (8), as equipes ficaram no empate por 1 a 1, no Estádio Parque do Sabiá. Jhulliam fez para o Verdão, enquanto Thales empatou para o Coimbra. Com isso, a equipe que pertence ao Banco BMG jogará pelo empate para comemorar o título, enquanto para o Verdão basta uma vitória simples.

Autor do gol alviverde no último jogo e artilheiro da competição com 12 gols, o centroavante Jhulliam não abre mão do título. “O maior objetivo foi alcançado, graças a Deus, que era o de recolocar o Uberlândia na primeira divisão, agora temos que ganhar o título. Queremos levantar o caneco para coroar o nosso trabalho. Ninguém vai para esse jogo em Sete Lagoas com a intensão somente de passear, mas sim de jogar para vencer. Todo o elenco quer conquistar mais este objetivo e vamos entrar em campo respeitando o Coimbra, mas buscando a vitória”, disse o artilheiro.

Em relação ao time para o confronto, o técnico Ademir Fonseca não tem nenhum problema e deverá escalar o que tem de melhor. “Já temos a equipe na cabeça e a estratégia devidamente traçada para que possamos fazer um grande jogo voltar para Uberlândia com o troféu de campeão. O primeiro objetivo foi conquistado, porém ainda falta o título e queremos muito essa conquista para deixar marcada na história do clube. É claro que do outro lado tem um grande time, que está invicto na competição e que também quer o título, mas vamos procurar jogar com aplicação e determinação”, disse Fonseca.

Prata da casa e uma das peças chaves no esquema do Verdão, o volante Luiz Alexandre não abre mão de logo em seu primeiro ano como profissional, conquistar o primeiro título. “Viria realmente para coroar um grande ano. Tive minha oportunidade de jogar como titular, de ajudar o Uberlândia no acesso e comemorar um primeiro título profissional seria realmente para ficar marcado. Então temos este jogo importante, difícil, mas que vamos dar as nossas vidas em prol do Verdão”, afirmou.

FICHA TÉCNICA

UEC
Diego; Jefinho, Adriano, Tayron e Cássio; Rogério, Luiz Alexandre e Maradona (Carlos Magno); Fernandinho, Jhulliam e Aslen.
Técnico: Ademir Fonseca

Coimbra
Glaycon; Victor Hugo, Diogo, Carciano e Thiago; Kaue, Igor, Lucas e Matheus; Bruno Gonçalves e Bruno Mineiro.

Técnico: Diogo Giacomini

Arbitragem

Árbitro: Marco Aurélio Augusto Fazekas

Assistente 1: Frederico Soares Vilarinho

Assistente 2: Helen Aparecida Gonçalves


Tags »
Notícias Relacionadas »
Comentários »