22/04/2018 às 11h55min - Atualizada em 22/04/2018 às 12h01min

Praia faz história e conquista pela primeira vez a Superliga

Triunfo chegou após vitória por 3 a 0 sobre o Sesc RJ e desempate no golden set

ÉDER SOARES | REPÓRTER

Os seis mil torcedores que foram a Arena Sabiazinho, na manhã deste domingo (22), foram ao delírio. Insuperável em quadra, o Dentil/Praia Clube fez 3 sets a 0 sobre o Sesc Rio na melhor de cinco sets e no Golden Set, set decisivo, cravou 25 a 18,  conquistando o tão esperado título inédito da Superliga Feminina de Vôlei, batendo o time carioca do técnico Bernardinho, dono de 12 títulos do certame. No tempo normal as parciais foram de 25/19, 25/23 e 25/17.

"É maravilhoso. Esse clube e essa cidade mereciam essa conquista. São para eles. Obrigado por tudo", disse emocionada a ponteira Fernanda Garay.

O técnico Paulo Coco também falou com lágrimas nos olhos. "Foi um trabalho árduo. Estas meninas se dedicaram muito e a cidade abraçou o time. Parabéns para todos".

O JOGO

Começou a partida e o Sesc mostrava consistência em sua defesa. Sem saber o que fazer, o Praia viu o time carioca abrir 5 a 2.  Mas o Praia foi atrás e numa bola de Fernanda Garay virou o placar para 6 a 5.  Seguindo as trocas de pontos, a equipe da casa conseguiu encaixar o saque e com isso abriu 18 a 16. Em um erro do Rio, o Praia fechou o set em 25 a 19.

Veio o segundo set e o bloqueio do Praia deu as caras. Num boque de Fernanda Garay, as donas da casa fizeram 5 a 3. Veio a reação do Rio de Janeiro, principalmente devido aos erros do Praia  no passe. Com isso, o time carioca virou o placar 12 a 10.  O jogo seguiu disputado com os ataques prevalecendo sobre as defesas e o Sesc na frente (19 a 18). Em um erro de ataque de Gabi, do Sesc, o Praia virou o jogo (22 a 21)  e fechou em 25 a 23.

No terceiro set, o Sesc voltou com tudo e abriu 3 a 0 com muita facilidade.   Incentivado pela torcida, o Praia  começou a forçar mais o saque, o que desestruturou o passe do Rio. Assim o Praia abriu 10 a 6.  O ataque do Praia  estava impossível, principalmente com Fernanda Garay e Fawcett. Sem achar o time praiano, o Sesc viu o time Uberlandense abrir 20 a 13.  Sem deixar o volume de jogo cair, o Praia seguiu firme até vencer por 25 a 17 e levar a decisão do título para o Golden Set.

GOLDEN SET

O Praia começou bem o set decisivo, abrindo 2 a 0.  Com frieza e experiência, o Rio utilizou bem do seu saque para virar o jogo ( 4 a 3).  Ponto a ponto, o jogo seguia equilibrado e com poucos erros ( 9 a 9).  O Praia vacilou e com dois erros seguidos viu o Rio abrir frente (13 a 12). Com Fernanda Garay na bola de segurança, o Praia passou á frente novamente ( 15 a 13). Daí em diante, frio em quadra, o Praia administrou o jogo até vencer por 25 a 18   e comemorar o seu primeiro título da Superliga, fazendo enlouquecer a torcida na Arena Sabiazinho.
Tags »
Notícias Relacionadas »
Comentários »