09/11/2017 às 05h27min - Atualizada em 09/11/2017 às 05h27min

Lutador Claudio Hannibal anuncia volta ao octógono

Após 3 anos parado, uberlandense recebe convite para o UFC London

ÉDER SOARES | REPÓRTER
Claudio Hannibal esteve no octógono pela última vez em 9 de novembro de 2014, em Uberlândia / Foto: Arquivo Pessoal

 

Três anos depois de seu último combate pelo Ultimate Fighting Championship (UFC), o lutador uberlandense de MMA Claudio Hannibal, que atualmente mora em Londres, na Inglaterra, está prestes a retornar ao octógono pela maior franquia mundial da modalidade. Hannibal sofreu nos últimos anos com problemas pós-cirúrgicos após uma lesão, mas, já totalmente recuperado, recebeu o convite para participar do UFC London, no dia 23 de março, na U2 Arena em Londres. O adversário ainda não foi divulgado.

A última luta de Hannibal pela categoria meio-médio (até 77 kg) foi no dia 9 de novembro de 2014, no UFC Uberlândia, na Arena Sabiazinho. Hannibal venceu o britânico Leon Edwards por decisão. Na sua estreia pelo UFC, em março de 2014, o uberlandense bateu o também britânico Brad Scott, no UFC Fight Night de Londres, outra vitória por decisão.

Hannibal garante que os três anos sem lutar não serão problema para o seu retorno ao octógono. “Não vejo a hora de lutar, estou bem. Muitas pessoas enxergam como uma barreira esse tempo em que fiquei parado, mas eu sempre tive a cabeça muito forte para superar todo o tipo de situação”, diz.

O lutador tem no seu cartel um total de 11 vitórias e uma derrota por desclassificação. A preparação para a luta começará em Londres. “Começarei os treinamentos na minha academia e depois vou para os Estados Unidos. Meu esquema é bater sem apanhar, bater e botar para baixo. Sempre lutei, desde criança. Sei o que fazer e não será nada de diferente, pois sempre treinei com os melhores do mundo. Estou no melhor momento da minha vida, estou bem de cabeça e, sendo assim, tudo fica mais fácil”, diz.

 

CINTURÃO

Claudio Hannibal garante que o sonho de conquistar o cinturão de sua categoria ainda segue vivo. “Meu último adversário (Leon Edwards) é o 13º da categoria até 77 kg, e eu quero me ranquear também. Sempre almejei o cinturão, até porque sou ambicioso e se não tivesse a vontade de ser o campeão, nem no UFC chegaria”, afirma.

Depois do UFC London, Hannibal afirma que assinará um contrato de mais quatro lutas com o UFC. “Estou lutando contra lesões há algum tempo e vendo adversários que eu bati se ranqueando. Eu não quero isso mais e tenho certeza que irá mudar”.


Tags »
Notícias Relacionadas »
Comentários »