31/07/2021 às 08h00min - Atualizada em 31/07/2021 às 08h00min

A importância de equilibrar suas emoções

KELLY BASTOS (DUDI)
Bom dia!
 
Olá!  Como vai?
 
Mais um sábado chegou e o post de hoje é sobre “A importância de equilibrar as suas emoções”.
 
Bem, como sempre citamos, o equilíbrio é a chave para o seu completo sucesso. Você é movido pelas suas emoções, é pura sensibilidade, sentimento à flor da pele. As emoções são tanto para o bem, como para o mal; com elas você sonha com um objetivo, planeja, ousa e alcança a sua meta.
 
Elas nos fazem sentir a compaixão pelo próximo, o amor, a fé, a esperança, ou seja, sentir a felicidade. São as chamadas emoções positivas, mas, por outro lado, temos também as emoções que são um tanto negativas, que nos fazem odiar, chorar, sofrer, às vezes por frustração, tristeza ou medo.
 
Quais os tipos de emoções - é lógico que não são somente estas as emoções, conforme estudo publicado na revista científica “Proceedings of the National Academy of Sciences”, as emoções encontradas foram: admiração, adoração, apreciação, estética, diversão, ansiedade, temor, estranheza, tédio, calma, confusão, desejo, nojo, dor empática, encantamento, inveja, excitação, medo, horror, interesse, alegria, nostalgia, romance, tristeza, satisfação, desejo sexual, simpatia e triunfo…
 
Portanto, é muito importante saber lidar com suas emoções, equilibrá-las é fundamental na sua vida. Quando você entender que deve administrar estas emoções, controlá-las e não ser controladas por elas, principalmente as emoções negativas, conseguirá se realizar como pessoa. O grande desafio do ser humano é conseguir este equilíbrio, é manter o foco nos momentos mais difíceis e perseverar sempre, sem desanimar, sem entregar os pontos.
 
Quantas pessoas já não perderam o emprego por não saber controlar suas emoções? Quem já não ouviu: você está agindo com o coração, não está pensando direito, use a cabeça. Manter o equilíbrio entre Razão e Emoção, fará de você uma pessoa mais justa. Estas duas emoções andam juntas e devem continuar assim, separadas perdemos o poder de tomar decisões certas. É a isso que chamamos de equilíbrio; com este equilíbrio encaramos todas as dificuldades da nossa vida. Portanto, o que realmente é necessário? Saber trabalhar com suas emoções.
 
Como lidar com as emoções sem abandonar a razão?
 
Reflexão, percepção: Você tem uma determinada situação para resolver, seja de ordem pessoal ou profissional, no entanto, parece que algo não está bem, é sua intuição, ela está te avisando. Faça como eu, quando não tinha muita prática na resolução de problemas com a parte eletrônica de um motor, dava um STOP, ou seja, para tudo, chegou a hora de respirar e refletir para tomar a decisão certa.
 
Parar para pensar, refletir sobre a situação lhe dá momentos de controle das emoções. Em uma situação profissional, na relação com a chefia, por exemplo, fazer uma reflexão para uma melhor tomada de posição é fundamental. Respirar fundo, refletir na relação de trabalho.
 
Esqueça o passado: Muitas pessoas esquecem de viver o presente, porque ficam sempre lembrando do passado, que foi desastroso, que machucou, isto acaba influenciando no agora. Eliminar essa influência do passado é uma atitude essencial para encontrar o equilíbrio necessário para alcançar o sucesso.
 
Saiba que ninguém é perfeito: mais uma vez, não existe perfeição, ninguém terá uma vida perfeita, ninguém vive sem obstáculos, sem problemas. São eles que nos fazem tomar a iniciativa para superá-los, portanto, a felicidade consiste em visualizar as dificuldades superadas, os sucessos alcançados. Saber administrá-los, reconhecer e perceber nos dá uma grande vantagem, basta respirar fundo, pensar na melhor opção e apresentar a solução correta. A meditação, que através da concentração pode ajudar a direcionar os seus pensamentos e as suas emoções.
 
Crie bons hábitos como a paciência e o bom humor: aprender a manter o bom humor nas adversidades da vida, nos torna mais tranquilos, mais leves, com maior facilidade para resolver quaisquer situações. O hábito da Paciência deve ser adquirido por todas as pessoas do mundo, ela mantém a sua calma, portanto, o seu equilíbrio, a sua concentração, com isso, tudo fica mais fácil de encarar.
 
Uma boa base de apoio sempre é bem-vinda: o isolamento social deve ser usado somente agora, na pandemia, fora dela, não se esqueça do seu círculo de amizades, dos seus relacionamentos e principalmente dos familiares.
 
Não esquecer do círculo de amizades: várias pesquisas foram feitas e o resultado é que a atividade social, a vida social, forma uma base de apoio, que ajuda no combate à depressão, ansiedade, a qualquer tipo de pressão e também às emoções negativas.
 
Positivar a sua vida: o poder do pensamento positivo é extraordinário, ao pensar somente em coisas boas, sua mente manterá a concentração no que você está pensando, então passará a trabalhar para concretizar as suas metas. Quando pensar, e sentimentos negativos tentarem entrar na sua mente, insista, persista, não desista. Nunca desanime, não se deixe abater, controlar o que é negativo faz de você uma pessoa mais forte.
 
Não esqueça de usar a intuição: você pode acreditar e seguir a sua intuição, ela está sempre nos dando vários sinais, ao aprender a identifica-los, você conseguirá separar o que pode ser bom do que pode não ser.
 
Tenha sempre amor próprio: Já deve ter ouvido falar: Para amar alguém é preciso primeiro se amar, pois é, se você não tem amor próprio, não tem respeito próprio, como acha que alguém pode achar algo bom em você. Sua vida é feita de experiências, você viveu, acertou, errou e certamente, aprendeu com isso, com a vida.
 
Fonte: valorizaravida.com.br
 
Bom fim e boa semana!!


Este conteúdo é de responsabilidade do autor e não representa, necessariamente, a opinião do Diário de Uberlândia.
 
Tags »
Relacionadas »
Comentários »