20/02/2021 às 09h00min - Atualizada em 20/02/2021 às 09h00min

Você é uma pessoa grosseira ou convive com uma?

KELLY BASTOS (DUDI)
Bom dia!
 
Assunto muito em evidência atualmente, a grosseria, muitas vezes, vem “disfarçada”, pela própria pessoa, de “sinceridade”. Mas, o que você acredita ser sinceridade e atitude pode ser apenas falta de educação. Confira a quantas anda a sua, também, com a ajuda da psicóloga Eliana Alves Pereira.
 
Segundo a psicóloga, “Algumas pessoas estão sempre prontas para o ataque — seja para responder uma pergunta, fazer um comentário ou dar uma opinião —, são grosseiras na sua forma de ser e se comunicar, dificilmente pensam antes de falar e acabam magoando todos de sua convivência!  As pessoas ignorantes e grosseiras estão por toda a parte, e saber lidar com elas é fundamental para não se contaminar”.
 
“Inevitavelmente, todos precisamos lidar com pessoas maldosas ou grosseiras durante a vida. Não importa se é um completo desconhecido na fila do supermercado, um vizinho ou um colega de trabalho, sempre haverá alguém que vai irritá-lo”.
 
“Seja como for, é muito difícil conviver com pessoas grosseiras, ignorantes, pois  são estúpidas  em quase todas as situações e agem impulsivamente, ignorando as consequências. No fundo, essas pessoas se sentem superiores, como se tudo para elas fosse óbvio. Por isso, a maioria delas tem dificuldade de ter paciência e conversar sobre uma situação sem ser estúpido”.
 
“No entanto, existem diferentes meios de lidar com tal tipo de pessoa, de acordo com a situação. Se ela fez uma ofensa pessoal ou se você precisa encarar a grosseria diariamente, a melhor opção poderá ser confrontar a pessoa diretamente para evitar que a situação se repita. Se ela é um estranho completo cuja grosseria não faz o menor sentido e não vale seu tempo, é provável que o melhor seja retirar-se da situação”.
 
Mas existem orientações de “Como lidar com pessoas ignorantes”que podemos colocar em prática. Anotem aí:
 
Seja direto - Quando a pessoa for grosseira com você, converse com ela e fale sobre como você se sente. Você não precisa fazer isso na frente de outras pessoas, ainda que ela tenha feito com você. Espere a emoção acalmar e chame-a para uma conversa particular. Muitas pessoas nem tem consciência de que são ignorantes.
 
Corte todas as formas de comunicação - Não continue a enviar mensagens à pessoa ou ter relacionamento próximo; ao deixar claro que não quer mais contato com o indivíduo, você precisa cumprir isso à risca. Continuar falando com ela por outros meios só o deixará mais confuso e dificultará o processo. Novamente, tente não ser mal-educado e nem demonstre rancor.
 
Não absorva - Não leve para o lado pessoal quando o indivíduo se comportar de forma grosseira com você, pois ele é assim com todo mundo. Entenda que ela não faz isso para te atacar, mas simplesmente não conhece outra forma de se relacionar e se comportar.
 
Releve - Não reforce a característica da pessoa, sempre a chamando de ignorante e grosseira. Quanto mais você reforça, mais  ela ganha força. Sempre que a pessoa agir assim, deixe passar o momento e, quando tiver oportunidade, chame-a para conversar e mostre que existem outras formas de se relacionar.
Coloque-se no lugar do outro - Muitas pessoas são ignorantes porque estão cheias de problemas e preocupações, a ponto de explodir. Você já tentou entender o que leva a pessoa a ser assim? Você sabe o que acontece na vida desta pessoa? Muitas vezes, quando nos colocamos no lugar do outro, conseguimos compreender e relevar muitas coisas.
 
Dê o exemplo - Em vez de evitar a pessoa ou ser grosseiro com ela, seja educado, gentil, diga obrigado e por favor. Aos poucos, mostre que existem outras formas de se relacionar.
 
Mude o foco - Lembre-se que todas as pessoas têm talentos e limitações, e o que muda sua relação com elas é justamente onde você coloca sua atenção. Procure focar no que você pode aprender com essa pessoa e no que ela tem de bom.


*Este conteúdo é de responsabilidade do autor e não representa, necessariamente, a opinião do Diário de Uberlândia.
Relacionadas »
Comentários »