07/04/2019 às 09h00min - Atualizada em 07/04/2019 às 09h00min

Para ter saúde eu preciso de vitaminas?

ANGELA SENA PRIULI
Hoje é Dia Mundial da Saúde e em meio a tantas promessas para que nosso corpo funcione assim ou assado, as vitaminas são sempre uma dúvida. Mas a resposta é sim, pois as vitaminas são nutrientes essenciais que ajudam seu corpo a se desenvolver e a trabalhar da maneira que deveria.

Existem 13 vitaminas essenciais - vitaminas A, C, D, E, K e as vitaminas B (tiamina, riboflavina, niacina, ácido pantotênico, biotina, B6, B12 e folato). Elas têm funções diferentes, como ajudar você a resistir a infecções, manter seus nervos saudáveis e auxiliar seu corpo a obter energia de alimentos ou seu sangue a coagular adequadamente.

Excelente! E onde é que conseguimos essas vitaminas, nós as fabricamos? Basicamente você as retira do que você come (de diferentes alimentos e quantidades, é claro), do sol que você toma, atividades simples assim. Opa, já sei, você achou que estivesse falando daqueles potinhos cheias de pílulas enormes das farmácias, né?

Eu queria mesmo ter a chance de falar sobre eles e uma publicação científica fresquinha do Journal of American Medical Association, de março de 2019, nos esclarece várias dúvidas: O que são vitaminas e suplementos?

Existem mais de 90000 suplementos diferentes no mercado. Alguns são derivados de fontes naturais, como óleo de peixe; no entanto, muitos são produzidos em um laboratório.

Preciso tomar uma vitamina ou suplemento?

Para a maioria das pessoas, a resposta é não. Vitaminas e suplementos frequentemente anunciam benefícios à saúde, como melhor raciocínio, melhor saúde do coração e um sistema imunológico mais forte. Durante anos, os médicos recomendaram certos suplementos, como os multivitamínicos. No entanto, essas alegações ainda não são totalmente apoiadas por evidências de pesquisas médicas.

As vitaminas e os suplementos são seguros?

Presume-se que a maioria das vitaminas e minerais básicos seja segura nas doses recomendadas. No entanto, reações ruins aos suplementos são possíveis. Nos EUA, por exemplo, estima-se que 23.000 visitas às emergências estejam diretamente relacionadas à ingestão de suplementos nutricionais. Essas visitas geralmente resultam de ingredientes tóxicos em alguns suplementos, como metais pesados, esteroides e estimulantes. Reações ruins também podem acontecer devido a uma overdose de determinado ingrediente ou porque as crianças acidentalmente tomam o suplemento. Seja honesto com seu médico sobre os suplementos que você está pensando em tomar. Elimine todas as vitaminas antigas e suplementos que não estejam sendo usados.

Quem faz com que as vitaminas e os suplementos sejam eficazes e seguros?
Aqui no Brasil, quem supervisiona a indústria de suplementos vitamínicos e dietéticos é a Anvisa - Agência Nacional de Vigilância Sanitária. Em contraste com os medicamentos prescritos, supõe-se que vitaminas e suplementos sejam seguros sem qualquer teste. A falta de exigência para mostrar segurança e eficácia e o enorme número de suplementos no mercado significa que a regulação eficaz ainda não é totalmente possível.

Uma dieta balanceada é melhor que um suplemento?
Uma dieta balanceada de frutas, legumes, grãos integrais, alguns queijos, peixes, aves ou carnes magras fornece todas as vitaminas e nutrientes necessários. Evidências sugerem que nosso corpo é melhor em absorver nutrientes dos alimentos do que em suplementos. Alimentos integrais também fornecem as quantidades e proporções de nutrientes que nosso corpo pode usar com mais eficiência.

Mas eu sou [email protected] / [email protected] / celí[email protected] / paleo / etc. Eu preciso de um suplemento?
O mais provável é que a resposta seja não. A prática vegetariana e outras dietas especiais geralmente fornecem nutrientes e vitaminas adequados, sem necessidade de suplementação. Os veganos correm maior risco de deficiência de vitamina B12, mas muitos alimentos especiais veganos, como o leite de amêndoa, são enriquecidos com vitamina B12 para ajudar a garantir a ingestão diária adequada. Às vezes, um suplemento pode ser recomendado.

Quando considerar tomar vitaminas e suplementos então?
Aqui vão algumas situações possíveis: se está planejando engravidar ou se já está na gestação; em caso de ter osteoporose e não ser capaz de absorver vitamina D e cálcio suficientes de sua dieta; se há deficiência comprovada de vitamina B12; se há condições gastrointestinais especiais ou se passou por cirurgia bariátrica.

Aquela frase de rodapé deve ser destacada aqui: Fale com seu médico ou nutricionista para discutir o que faz mais sentido para você.
Nesse domingo especial da saúde, desejo que aflorem magicamente todos os desejos (mesmo que escondidos atrás do estresse da rotina) de se exercitar várias vezes na semana, de comer aquela saladona com peixe e castanhas, de meditar regularmente... enfim, de buscar a tão sonhada vida saudável! Saúde!

Fontes:
https://www.nia.nih.gov/health/vitamins-and-minerals
Incze M. Vitamins and Nutritional Supplements: What Do I Need to Know? JAMA Intern Med. 2019;179(3):460.
Tags »
Relacionadas »
Comentários »