10/03/2020 às 08h00min - Atualizada em 10/03/2020 às 08h00min

Projeto oferece vagas em projetos socioculturais em Uberlândia

São mais de 150 oportunidades gratuitas para crianças e adolescentes

DA REDAÇÃO
Mais de 800 crianças e adolescentes com idade entre 06 a 16 anos terão neste ano em Uberlândia a oportunidade de respirar um pouco sobre música, literatura, teatro e cinema por meio de oficinas gratuitas do EMCANTAR Social. Mais de 150 vagas estão disponíveis, preferencialmente para moradores da região leste da cidade, onde as oficinas acontecem, no Clube Cesag, que fica na rua Maria Augusta de Morais, 4, bairro Alvorada.

As vagas ficarão abertas até que sejam preenchidas, e para se inscrever basta entrar em contato pelo telefone (34) 3216-6146. Em 23 anos de atuação, a instituição já beneficiou mais de 25 mil crianças e adolescentes através de mais de 60 projetos regulares de formação em arte e educação, desenvolvidos em regiões de baixo aparelhamento social e cultural e em escolas da rede pública de ensino, especialmente, em Uberlândia.
 
PROJETOS OFERECIDOS
Projeto Transforma – Oficinas de Artes Cênicas VI
Em seu sexto ano consecutivo, o projeto é constituído por oficinas continuadas de artes cênicas para 60 crianças e adolescentes. O projeto prevê também a realização de eventos gratuitos com apresentação dos participantes.

Projeto Ideias Incontidas VI
Em seu sexto ano também, o projeto tem foco na experiência e criação literárias. Tem como público-alvo 90 crianças e adolescentes de 08 a 16 anos e prevê a produção de um livro com os textos criados pelos alunos.

Projeto Manutenção EMCANTAR II
Com maior volume de vagas abertas, é um projeto de oficinas de artes integradas para 540 crianças e adolescentes de 06 a 16 anos, do qual resultará apresentações artísticas gratuitas e acessíveis a toda população.

Todos os projetos são realizados pelo EMCANTAR Social em parceria com o Programa Transforma, patrocínio do Instituto Algar, por meio da Lei Federal de Incentivo à Cultura.









 
Tags »
Notícias Relacionadas »
Comentários »