03/11/2019 às 10h11min - Atualizada em 03/11/2019 às 10h11min

Saiba mais

DA REDAÇÃO
“ER” (“Plantão Médico”)
Criada por Michael Crichton, escritor e ex-médico. Foram 15 temporadas exibidas entre setembro de 1994 e abril de 2009 em um total de 331 episódios. Mostra o cotidiano dentro de uma Sala de Emergência do fictício County General Hospital de Chicago, Illinois.

“HOUSE, M.D.” (“Dr. House”)

A série, criada por David Shore, tem um protagonista antipático, mas brilhante em seus diagnósticos, o doutor Gregory House (interpretado por Hugh Laurie), que virou uma referência na cultura pop com seu humor ácido e seu bordão “todo mundo mente”. Ele atende no fictício Princeton-Plainsboro Teaching Hospital, na cidade de Princeton, no Estado de Nova Jersey, nos Estados Unidos. Foram oito temporadas exibidas entre novembro de 2004 e maio de 2012, em um total de 177 episódios. Reprises no Universal TV e disponível no Globoplay.

“GREY’S ANATOMY” (“A anatomia de Grey”)

Prestes a estrear sua 16ª temporada no Brasil e com a 17ª garantida, “Grey’s Anatomy” ultrapassou “ER” como série médica mais longeva da TV. A criação é de Shonda Rhimes. É protagonizada por Meredith Grey (interpretada por Ellen Pompeo) e grande elenco. O hospital fictício, Hospital-Memorial Grey-Sloan, fica em Seattle, nos Estados Unidos. É exibido no Brasil pelo Canal Sony, às segundas-feiras e está disponível na Netflix.

“THE GOOD DOCTOR” (“O bom doutor”)

A “caçula” entre as séries médicas tem conquistado um público cada vez maior. Baseada na série sul-coreana produzida em 2013, nos Estados Unidos ganhou sua versão pelas mãos de David Shore, de “House, M.D.”, em 2017. Mostra a trajetória do doutor Shawn Murphy (interpretado por Freddie Highmore), que tem síndrome de Savant e quer mostrar seu valor como cirurgião. A terceira temporada está confirmada. Em exibição no Canal Sony e disponível no Globoplay.











 
Tags »
Notícias Relacionadas »
Comentários »