22/02/2018 às 17h59min - Atualizada em 22/02/2018 às 17h59min

Tem teatro gratuito no fim de semana

'Balaio Popular' faz três apresentações entre sábado e domingo; duas delas serão no Parque do Sabiá

DA REDAÇÃO
“Balaio Popular” será apresentado pelo Grupontapé | Foto: Thaneressa Lima/Divulgação

O Grupontapé de Teatro apresenta mais três sessões gratuitas da peça “Balaio Popular”, em Uberlândia, neste final de semana. O espetáculo será apresentado no Parque do Sabiá (domingo) e no Poli em Ação promovido pela Fundação Uberlandense de Turismo, Esporte e Lazer (Futel) no Poliesportivo do bairro Jardim América (sábado).

As apresentações finalizam a circulação do grupo prevista no “Projeto Grupontapé 22 Anos” aprovado na Lei Estadual de Incentivo à Cultura de Minas Gerais, que contempla a manutenção do Grupo e a circulação dos espetáculos do repertório do grupo nas cidades mineiras de Uberlândia, Belo Horizonte e Sete Lagoas.

“Esse é um dos espetáculos mais antigos do Grupo, mas tem muita gente que ainda não viu. Essas apresentações serão uma ótima oportunidade para atingir o público que desconhece o trabalho,” disse Katia Bizinotto, atriz e uma das gestoras do Grupontapé.

Concebido na linguagem do teatro de rua, o “Balaio Popular” une a pesquisa feita pelo grupo do universo da cultura popular e o trabalho do diretor Fernando Limoeiro, professor do Teatro Universitário de Belo Horizonte, e grande conhecedor do teatro de rua e da cultura popular. A peça diverte, emociona e mostra as tradições populares e a religiosidade com enfoque principalmente no universo mineiro.

As cenas acontecem dentro do círculo de balaios e resgata a arte de contar histórias, valorizando a cultura popular por meio das lendas, parlendas, brincadeiras, provérbios, jogos e cantigas populares que perduram de geração em geração.

O roteiro é do Grupontapé com direção de Fernando Limoeiro. No elenco estão Cássio Machado, Juliana Nazar, Katia Bizinotto, Katia Lou e Fábio Tannús e a duração do espetáculo é de 30 minutos.

Criado em 1994 em Uberlândia, o Grupontapé tem como missão o desenvolvimento humano por meio do teatro. Realizou diversas montagens de vários autores e de autoria própria, proporcionando reflexão com sensibilidade ao público pelas diversas cidades que circulou, no Brasil e na América Latina.

Focado no processo do teatro de grupo e atuante na organização e representação política da atividade teatral em Uberlândia e no Estado, para além de seus espetáculos o Grupo propõe desde 1998 ações de formação e intercâmbio, e em 2001 com a conquista da sede, suas oficinas permanentes de teatro ganham o nome de Escola Livre do Grupontapé de Teatro.

Fazer um teatro que comunica com o público e que aborda questões ligadas à condição humana sempre foram escolhas naturais do Grupo durante seus 23 anos de trabalho continuado.

Anote aí: a apresentação de sábado de “Balaio Popular” será no Poli em Ação, que acontece no Poliesportivo Jardim América (Rua Anália Resende Siquieroli, S/N), às 10h. No domingo (25), serão duas apresentações no Parque do Sabiá. A primeira às 10h30 no Quiosque Central - entrada pelo Bairro Tibery –  e a segunda sessão às 16h no Mundo da Criança – entrada pelo parquinho.
Tags »
Notícias Relacionadas »
Comentários »