21/07/2020 às 14h58min - Atualizada em 21/07/2020 às 14h58min

MPF convoca reunião para discutir obras na trincheira das BRs 365 e 153

Trabalhos vão exigir a desapropriação de 21 imóveis situados na área entre Uberlândia e Monte Alegre de Minas; encontro foi agendado para o dia 30 de julho

DA REDAÇÃO
O Ministério Público Federal (MPF) em Uberlândia fará uma reunião pública, no dia 30 de julho, para discutir assuntos relacionados às obras que serão executadas na trincheira do entroncamento das BRs 365 e 153 sentido o município de Monte Alegre de Minas. Os trabalhos vão exigir a desapropriação de 21 imóveis situados na área. 
 
“A reunião terá como propósito estabelecer um projeto transparente para que seja apresentado às pessoas diretamente afetadas pelas obras. É necessário que elas tenham todas as informações necessárias ao exercício de seus direitos”, afirma o procurador da República Leonardo Andrade Macedo, que idealizou e irá conduzir a reunião.
 
Atualmente, o trecho se encontra com 80 quilômetros de pista duplicada apenas no segmento localizado entre as cidades de Monte Alegre de Minas e Uberlândia. O restante ainda está em pista simples. 
 
Os trabalhos estão previstos no projeto de concessão da Ecovias do Cerrado que engloba trechos das rodovias BR-364 e BR-365, e se estende por 437 km entre os estados de Minas Gerais e Goiás. A empresa também é responsável pelas obras no entroncamento das BRs 365 e 452, local conhecido como Trevo da Xapetuba, que já estão na segunda fase e devem ser concluídas no início de agosto. 
 
Para a reunião foram convidados a participar os representantes da Agência Nacional de Transportes Terrestres (ANTT), da concessionária Ecovias do Cerrado e da Polícia Rodoviária Federal (PRF), assim como prefeito, o secretário de Educação e vereadores do município de Monte Alegre de Minas.
 
O encontro será realizado virtualmente em respeito às medidas de prevenção da  Covid-19. A transmissão ao público externo será feita através do portal da TV/MPF.


VEJA TAMBÉM:




















 
Tags »
Notícias Relacionadas »
Comentários »