08/06/2020 às 15h29min - Atualizada em 08/06/2020 às 15h29min

Procon flagra 330 estabelecimentos comerciais abertos irregularmente em Uberlândia

Fiscalização resultou na interdição de nove comércios entre sexta-feira (5) e domingo (7)

DA REDAÇÃO

Desde sexta-feira (5), agentes da Superintendência de Proteção e Defesa do Consumidor de Uberlândia (Procon), Prefeitura e Polícia Militar (PM) intensificaram a fiscalização do cumprimento do decreto municipal que estabeleceu novas normas no enfrentamento à Covid-19. Conforme balanço divulgado na tarde desta segunda-feira (8), 330 estabelecimentos foram flagrados funcionando irregularmente nos últimos três dias.

Segundo o Procon, o órgão recebeu 921 denúncias, emitiu 52 autos de infração com multa e interditou nove comércios. Alguns setores comerciais só poderiam atender presencialmente de segunda a sexta-feira, das 10h às 18h. As atividades foram divididas em grupos.

O comércio considerado como essencial pode exercer suas atividades sem restrições de dias e horários de atendimento. O terceiro grupo é composto por estabelecimentos que ainda possuem completa restrições de funcionamento, como academias, casas noturnas, bares e cinemas. A lista completa da classificação das atividades nos termos do novo decreto pode ser acessada clicando aqui.

DENÚNCIAS
É possível denunciar estabelecimentos irregulares através do 151 ou pelo Zap da Prefeitura: (34) 99774-0616. Na plataforma, assim que o solicitante enviar uma mensagem, uma resposta automática aparecerá oferecendo sete opções. Dentre estas, a pessoa deverá escolher a número 3, referente ao Procon. A partir daí, poderão ser feitas denúncias referentes a estabelecimetnos abertos irregularmente, aglomeração de pessoas e preços abusivos.




































 
 

Tags »
Notícias Relacionadas »
Comentários »