30/01/2020 às 08h38min - Atualizada em 30/01/2020 às 08h38min

Copa Amvap tem retorno marcado para março

Reunião na próxima quinta-feira (6) deverá definir o formato da competição que parou em 2014

ÉDER SOARES
Reunião na sede da Amvap detalhou os critérios para o torneiro | Foto: Amvap/Divulgação
Depois de seis anos de pausa devido à crise financeira que assolou os munícipios da região, está muito próximo de ser confirmado o retorno da Copa Amvap de futebol amador para este ano. O torneio se tornou referência na região até 2014, ano da última edição e que teve como campeão o Fluminense de Araguari e vice a Pratense. 

O presidente da Amvap e prefeito de Prata, Anuar Arantes Amui, se reuniu na manhã de quarta-feira (22) com o presidente da Liga Uberlandense de Futebol (LUF), Renato Batista, que participará da organização do torneio. O encontro foi realizado na sede da Amvap, em Uberlândia, e detalhou os critérios para a realização do torneiro, que está previsto para começar no dia 21 de março. Também ficou definida para o dia 6 de fevereiro a realização do primeiro Congresso Técnico da Copa Amvap 2020, na sede da associação.

Para o presidente da Amvap, o retorno da competição é um grande investimento no desenvolvimento do esporte regional. “Além de unir os municípios em um torneio tradicional na região, a Copa Amvap traz resultados muito além dos jogos em campo, é ganho social nos municípios, movimentando torcedores e jogadores amadores”, disse Anuar.

O presidente da LUF, Renato Batista, garante que tudo está muito bem encaminhado para o retorno do torneio regional. “Estamos com o congresso técnico previamente definido e iremos, juntos, apresentar uma proposta para oficializar o retorno da Copa Amvap. O prefeito de Prata está empenhado nisso e tudo está alinhado para que ela realmente aconteça”.

O término da competição deve ocorrer em meados de junho. “A Copa Amvap é muito importante, pois movimenta as cidades que integram a região da Amvap por meio do esporte, fomenta os praticantes de futebol das cidades e incentiva os jovens destes municípios pequenos, que às vezes não têm oportunidades”, disse Batista.








 
Tags »
Notícias Relacionadas »
Comentários »