23/01/2020 às 09h11min - Atualizada em 23/01/2020 às 09h11min

UEC quer repetir postura em jogo contra Caldense

Time volta a campo no sábado com proposta de pressionar adversário

Éder Soares
Apesar de pressionar o Galo, Uberlândia Esporte não encontrou as redes na estreia. | Foto: GIOVANNI MENDES/DIVULGAÇÃO
Dois dias depois da estreia com derrota no Campeonato Mineiro, o Uberlândia Esporte Clube pega a estrada, na manhã de hoje, rumo a Poços de Caldas, onde enfrentará a Caldense, no sábado. O jogo está marcado para às 19h, no estádio Ronaldo Junqueira.  Para a partida, segundo o técnico Felipe Surian, o torcedor do Uberlândia pode esperar uma postura similar ao do jogo contra o Atlético, quando o time, apesar de sair derrotado, foi bastante agressivo e criou boas oportunidades de gol.

Elenco e comissão técnica garantem que a derrota por 1 a 0 para o Atlético, na noite da última terça-feira (21), não abalou o Verdão. A avaliação é que o time deu poucas chances ao Galo, que somente construiu o lance de gol em uma penalidade máxima, convertida aos 22 minutos do primeiro tempo. O Uberlândia Esporte criou as melhores oportunidades de gols, e ainda desperdiçou um pênalti no final do primeiro tempo, com Felipe Alves, defendido pelo jovem goleiro Michael do Atlético. 

“O time do Uberlândia me surpreendeu, pois dominou o jogo contra o Atlético, todo o tempo. Infelizmente, perdemos um pênalti e a bola não entrou, mas a equipe está muito bem arrumada e acredito que irá fazer uma grande campanha”, disse o torcedor Gustavo Silva.

O técnico Felipe Surian lamentou a derrota, mas afirma que o time agradou e que a tendência ainda é de crescimento. “Acredito que estamos no caminho certo e agora vamos voltar o nosso foco para o próximo adversário”, disse Surian.

Para o compromisso contra a Veterana do sul de Minas, o treinador do Verdão poderá contar com o atacante Luizinho, que não jogou contra o Atlético porque não tinha ganhado condições de jogo junto ao Boletim Informativo Diário (BID) da Confederação Brasileira de Futebol (FMF). 

A tendência é que o treinador mantenha contra a Caldense a mesma equipe que foi derrotada pelo Galo: Rafael; Joazi, Plínio, Rogério e Fábio Alves; Serginho, Leandro Salino e Diogo Peixoto; Dija Baiano, Felipe Alves e Wandinho. 












Tags »
Notícias Relacionadas »
Comentários »