18/01/2022 às 08h00min - Atualizada em 18/01/2022 às 08h00min

Praia monta time para a temporada

ALBERTO GOMIDE
De acordo com a Nota Oficial 01/2022 da Federação Mineira de Futsal, o Praia Clube vai disputar a Taça Brasil de Clubes deste ano por ter sido o campeão estadual (adulto) de 2021. A possibilidade ou direito adquirido de disputar também a Copa do Brasil, não faz parte da publicação oficial. Aliás, a mesma nota diz que o representante estadual na Copa do Brasil será o Minas Tênis Clube, e na Copa Sudeste, será o América Futebol Clube, ambos da capital. Assim, o Praia vai disputar em 2022, na categoria principal, o Campeonato Mineiro do Interior e o Estadual, além da Liga Nacional de Futsal, e a Taça Brasil. 

Para a montagem do time para a temporada que se inicia, os dirigentes praianos começaram ainda no final de 2021 o trabalho de renovação de contratos com os jogadores remanescentes e novos nomes para compor o grupo, visando fortalecer a equipe para 2022. E neste sentido, já existem várias definições. Inclusive, dois novos goleiros foram contratados, mesmo com a excelente participação de Gustavinho na temporada passada, que permanece no grupo. Gian Wolverine e Bruno Henrique são os dois novos goleiros, formando trio com Gustavinho para a posição este ano. Gian (foto), de 37 anos, é goleiro experiente, campeão de 2015 da Liga com o Carlos Barbosa, com passagem pela Seleção Brasileira na Copa do Mundo em 2016. 

Além da contratação do experiente goleiro, o Praia acertou com três jovens atletas que estavam no futsal paulista: o goleiro Bruno Henrique (Corinthians), o pivô Kaio (Magnus) e o fixo Guilherme Pimenta (AABB-SP). Já foram anunciados os seguintes jogadores para o time deste ano, que deve começar a pré-temporada no próximo mês: Goleiros: Gustavinho, Bruno Henrique e Gian Wolverine; Fixos: Neto, Lucas Souza, Claudinho e Guilherme Pimenta; Alas: Rafa, Huguin, Vini Scola e Thiaguinho; Pivôs: Rodrigo Viana e Kaio. 

ADVERSÁRIO DO 
UEC NA ESTREIA 


O Athletic Club de São João del Rei será o primeiro adversário do Uberlândia Esporte Clube no Campeonato Mineiro 2022, dia 26 próximo, no Estádio Municipal Parque do Sabiá. O estadual de Minas este ano terá o mesmo sistema de disputa dos anos anteriores, exceção à final que será em partida única. Na fase inicial as 12 equipes jogam entre si em turno único, classificando-se os quatro semifinalistas, e daí os dois finalistas. 

Para conhecer um pouco da história do adversário do Uberlândia Esporte na abertura do Campeonato Mineiro, diz-se que a ata do nascimento do Athletic foi lavrada em 27 de junho de 1909, e que, segundo a assessoria do clube, o coloca como o terceiro mais antigo de Minas Gerais, atrás apenas do Clube Atlético Mineiro e do Villa Nova de Nova Lima. 

A trajetória do Athletic começou com o nome de Athletic Foot-Ball Club. Em 1913, o nome passou a ser o atual, Athletic Club, devido à inclusão de outras modalidades esportivas. Além do futebol, que teve o vice-campeonato na Segundona do Mineiro em 2018, as equipes do Athletic participam anualmente de competições oficiais de futsal, basquete, natação e vôlei, além de promover competições internas para sócios e atletas. 

Na elite do Campeonato Mineiro, o Athletic atingiu seu objetivo ao cravar permanência no Módulo I. A equipe de São João del Rei terminou a competição na 8ª colocação, com 13 pontos - quatro vitórias, um empate e seis derrotas. Em parte da jornada, contou com o auxílio do folclórico atacante uruguaio Loco Abreu, ídolo do Botafogo. 
O Athletic, de São João del Rei, é, oficialmente, uma das primeiras Sociedades Anônimas de Futebol (SAF) do Brasil, tendo assinado recentemente acordo com a empresa V2 Participações, que adquiriu 49% do controle do futebol da instituição. 

Para o Campeonato Mineiro 2022, o Athletic anunciou os seguintes jogadores: Pedro Rocha e Lee (goleiros); Diego Fumaça e Vinícius Silva (laterais); Danilo, Sidimar e Gabriel Nunes (zagueiros); Emerson e Kadu (volantes); Antônio Falcão e Felipe Evangelista (meias); Willian Mococa, Danilinho, Michael Paulista, Herê, Douglas, Mariano e Robert Fischer (atacantes). 


*Este conteúdo é de responsabilidade do autor e não representa, necessariamente, a opinião do Diário de Uberlândia.
 
Leia Também »
Comentários »