09/07/2021 às 08h00min - Atualizada em 09/07/2021 às 08h00min

​Praia e Udi Vôlei firmam parceria

ALBERTO GOMIDE
Foto: Divulgação
Praia Clube e Uberlândia Vôlei firmam parceria para disputa de competições de alto rendimento na base. O acordo será uma via de mão dupla para as duas partes e não há relação alguma com a equipe Dentil/Praia Clube.

Na parceria, o Praia disponibilizará a estrutura física com quadra e academia, bem como materiais esportivos inerentes à modalidade. Em contrapartida, os atletas disputarão os Campeonatos Brasileiros Interclubes (CBI’s) nas categorias Sub-17, Sub-19 e Sub-21, representando o Praia. Nos CBI’s, o nome oficial da equipe será Praia Clube/Uberlândia Vôlei.

O gerente de esportes e competições do Praia Clube, André Lelis, comentou sobre a parceria e novas ações. “Conhecido em nível nacional e internacional, o Praia Clube potencializará o esporte de alto rendimento na cidade de Uberlândia. As conquistas obtidas dentro e fora do país por nossas equipes darão visibilidade a esses novos projetos sérios que têm credibilidade e nossa confiança. Juntos, poderemos alcançar resultados ainda mais expressivos e, claro, aumentando a abrangência de modalidades”, comentou o gestor.

O idealizador e um dos técnicos do Uberlândia Vôlei é Fernando Alves. O profissional tem experiência em diversas funções na seleção mineira de base, onde atuou como técnico colaborador, auxiliar técnico e assistente. Fernando acredita que o suporte do Praia em vários aspectos fortalecerá ainda mais o projeto.

“Acredito que o principal dessa parceria é que o Praia tem a visão do alto rendimento, que dispensa comentários. Vemos pelo voleibol feminino profissional, agora pelo futsal também. O presidente Guto Braga vem com essa visão, e o Uberlândia Vôlei sempre procurou isso, mas nossa estrutura é limitada. O projeto de Lei de Incentivo ao Esporte (que o time faz parte) tem um teto de verba. Com essa estrutura do Praia e essa visão, temos essa possibilidade de chegar ao alto rendimento”, disse Fernando.

O projeto Uberlândia Vôlei foi criado em 2016, e não é o mesmo do Vôlei Uberlândia, que disputa a Superliga “A” Masculina desde a temporada 2020/21. A equipe liderada por Fernando Alves deixou de ser apenas um projeto social no ano passado, quando disputou a Superliga “C” Masculina, equivalente à terceira divisão da modalidade no Brasil, de forma inédita.
 
 
CLUBES E ATLETAS
PUNIDOS NA COPA

 
A comissão disciplinar da 2ª Copa Afuvemsu – Associação de Futebol Veterano, Máster e Sênior de Uberlândia esteve reunida para julgar casos disciplinares e de irregularidades, relacionados às quatro rodadas que já foram realizadas na primeira fase do campeonato.

O Jardim Vica, que foi derrotado nas quatro rodadas, ganhou seis pontos nos julgamentos. O Ipanema colocou em campo um jogador em situação irregular e como venceu a partida, perdeu os pontos para o Jardim Vica. Da mesma forma, o Jardim Vica ganhou os pontos da partida contra o Jardim Europa, que também colocou jogador sem condições legais no jogo.

Ainda na reunião de julgamentos, dois jogadores foram eliminados do campeonato. Felipe José Rodrigues, do Jardim Europa, por ter assinado a súmula e entrado no jogo sem estar relacionado, e Paulo José Cardoso, do Jardim Holanda, por ter sido expulso e agredido o atleta adversário, Amarildo José, do Copacabana.

O presidente da Afuvemsu e da comissão organizadora do campeonato, Jhony Márcio Ramos Costa, com os demais membros, decidiram inserir no regulamento, esta semana, um inciso no artigo 12, determinando que o clube será penalizado com a perda de 6 pontos, quando infringir normas determinadas no instrumento legal da competição, relacionadas a atletas. Resumindo: o jogador será eliminado do campeonato e o clube perderá seis pontos.

A rodada do último sábado ficou assim: Umuarama 0x0 Segismundo Pereira, São Jorge 2x0 Canaã, Saraiva 0x1 Bandeirantes, Jaraguá 5x0 Jardim Europa, Jardim Vica 1x2 Jardim Holanda, Copacabana 3x0 Ipanema e Minas Gerais 3x0 Luizote de Freitas.

Com as alterações feitas em razão da perda de pontos, a classificação geral ficou assim: Jaraguá e Bandeirantes com 12 pontos, aproveitamento de 100%, Umuarama com 10, Segismundo Pereira com 7, Saraiva, Minas Gerais, São Jorge e agora o Jardim Vica com 6, Copacabana com 4, Luizote de Freitas, Jardim Holanda e Canaã com 3, o Jardim Holanda que tinha 4 desceu para 1, o Ipanema que tinha 3 ficou com 0, juntamente com o Carajás.


Este conteúdo é de responsabilidade do autor e não representa, necessariamente, a opinião do Diário de Uberlândia.
 
 
Relacionadas »
Comentários »