10/03/2021 às 08h28min - Atualizada em 10/03/2021 às 08h28min

Agora sim, Futebol 2021

ADRIANO SANTOS
Divulgação
Foi dada a largada, cada um se mexeu como pode, contratou, demitiu e começa a temporada do futebol brasileiro. Os estaduais já dão o ritmo de quem dará as cartas no Brasil.

O São Paulo trouxe Crespo, apostou em um técnico estrangeiro, já comprou Orejuela, teve a coragem de fazer rodízios, substituiu Daniel Alves, Pablo voltou a ter sequência, o elenco começa a conhecer detalhes de como proceder com novo técnico a frente.
 
O Grêmio renovou com Renato Gaúcho, que precisa de peças urgentemente, não tem meio time pra 2021, as apostas de Renato não deram certo e o Grêmio pra continuar brigando por títulos precisará abrir os cofres.
 
O Internacional apostou no treinador também estrangeiro, Miguel Angel, que já pediu jogadores, Palácios está chegando, Fabrício Formiliano do Penarol é uma alternativa, manter o time titular e trazer jogadores será primeiro passo para o Internacional forte em 2021.
 
O Flamengo está tentando trazer Rafinha, e já contratou Bruno Viana, zagueiro do Braga de Portugal, 26 anos, com certeza a área mais deficiente do Flamengo, agora com sub20 disputando o Carioca, se viu muitas peças que poderá sim ser a resposta de muitos problemas rubro negros.
 
O Galo está quente, trouxe Cuca, trouxe Hulk, trouxe Nacho Fernández ex River e também Dodo, que estava sem jogar pós-litígio contra o Cruzeiro, a base do Galo é fortíssima, com certeza será o time pra brigar em 2021.
 
O Palmeiras, atual Campeão Libertadores e Copa do Brasil, tem um time forte, mas sem dúvida vai precisar muito de reforçar seu ataque, trazer peças para o meio e bons reservas para suportar a quantidade de jogos.
 
Vem correndo por fora o Fluminense com investimento bem menor, mas craque o Fluzão faz em casa.
 
O Campeonato Carioca, Paulista, Mineiro e Gaúcho será termômetro para contratações e sistemas de jogos, a briga entre Flamengo e Palmeiras, Galo e Internacional, São Paulo e Grêmio será acirradíssimas, os elencos foram transformados em máquinas, uma pena as torcidas não estarei nos estádios, porque com toda certeza não teremos jogos fáceis em 2021.
 
O calendário da Libertadores será traiçoeiro, Copa do Brasil e Brasileirão estarão na garganta dos clubes que irão disputar todas elas.
 
Teremos futebol em 2021 pra alegrar nosso Brasil a fora, Paixão Futebol.
 
UBERLÂNDIA ESPORTE
 
Mais uma derrota e a lanterna da competição, o Dão perdeu de 4 x 0 pro galo e preocupa, não vem dando liga, não apresentou um bom futebol, agora o campeonato começa pra valer, fora os dois grandes da capital, vem os times teoricamente menores e com mesmo poder de investimento, será que vamos conseguir sair dessa velha história futebolística?
 
Que Deus abençoe o nosso Periquito.


Este conteúdo é de responsabilidade do autor e não representa, necessariamente, a opinião do Diário de Uberlândia.
Leia Também »
Comentários »