01/12/2019 às 14h37min - Atualizada em 01/12/2019 às 14h37min

Na mão

LEANDRO MAZZINI
Uma alta autoridade da Bolívia, ouvida pela Coluna, garante que o novo Governo autorizou e já tem a papelada da extradição para o Brasil do narcotraficante Pedro Montenegro. E não apenas ele, mas uma fila de alvos da Justiça do Brasil vai andar nos próximos dias. Montenegro foi entregue pela polícia boliviana de Santa Cruz, onde estava detido, à Polícia Federal no aeroporto de Corumbá (MT) na sexta-feira à tarde. Ele tem mandado de prisão expedido pelo STF , para fins de extradição, desde 2015. Liderava as maiores remessas de drogas para a Europa, passando pelo Brasil, rumo à Europa. Só um carregamento apreendido pela PF foi avaliado em US$ 60 milhões.

Que medo
A Comissão de Ética Pública da Presidência alega sigilo para não divulgar quem são os ministros denunciados ao conselho, por quem e quais motivos; e também quem são os investigados. Até o Governo anterior, havia boletins mensais com os nomes.

Fator Guedes
Uma brasiliense foi aprovada em quatro concursos de órgãos federais apenas este ano. Mas não tem esperança de ser convocada. O Ministro da Economia, Paulo Guedes, brecou tudo em prol da austeridade.

Mas..
.. O ministro não pensa no bolso dos outros, apenas no do Governo. A equação é simples. Não chama para nomeação, mas arrecada com provas e cria expectativas.

 
Tô nem aí
Indiciado pela Polícia Federal na sexta-feira no esquema de candidaturas ‘laranjas’ na eleição de 2018, o deputado federal e presidente nacional do PSL, Luciano Bivar, curte uns dias em Miami – revelou a Coluna semana passada.

 
Lupa de opositor
O governador Ronaldo Caiado (DEM), desconfiado  e inconformado com os dados da gestão do antecessor e adversário Marconi Perillo (PSDB), mandou fazer auditoria em relatórios e números oficiais de secretarias da gestão tucana.

Caso de polícia
Os principais alvos são os dados da Segurança Pública. Segundo a assessoria, “em função de inconsistências identificadas nos dados estatísticos de 2018, publicados pelo Observatório de Segurança Pública, foi determinada a realização de auditorias em todos os números e metodologias”. Não só isso. O caso ganhou Inquérito Policial n° 325/19.

 
PRONA voltou
A memória de Enéas Carneiro rediviva: O PRONA vai renascer. O processo foi protocolado no TSE para reativação em virtude de o Partido da República (PR) retomar no nome de Partido Liberal (PL). O PL e o PRONA se fundiram em 2006 quando da morte de Enéas. É questão de trâmites, agora.

 
Mercado aquece
A Associação Brasileira do Trabalho Temporário estima que serão criados mais de 570 mil postos de trabalho na indústria, comércio e serviços, no período que abrange o Dia das Crianças até o Ano Novo.

Cena..
Cena tensa da tarde de quinta-feira na rodoviária do Plano Piloto em Brasília: uma mulher ameaçava pular (altura de 8 m até a pista), e conversava com dois policiais, com plateia embaixo. Até que um homem percebe a desatenção e a puxa. Todos aplaudiram o “policial à paisana”. Mas era o jornalista Cláudio Ulhoa, revelou o site Misto Brasília.

.. brasileira
Ele passava pela calçada quando viu e entendeu a cena, e no mesmo compasso que o levava para casa, puxou a mulher e a entregou aos policiais. Não a conheceu. Seguiu seu caminho e foi abraçar mulher e filhos.


*Esta coluna é de responsabilidade do autor e não representa, necessariamente, a opinião do Diário de Uberlândia.






 
 
Relacionadas »
Comentários »