23/06/2021 às 16h52min - Atualizada em 23/06/2021 às 16h52min

Prefeitura de Uberlândia assina convênio com Cohab para regularizar assentamento do Glória

A princípio, as obras de infraestrutura urbana estão orçadas em R$ 30,4 milhões, com vigência de cinco anos, podendo ser prorrogadas

GABRIELE LEÃO
Assinatura do convênio aconteceu nesta quarta-feira (23) I Foto: Gabriele Leão
A Prefeitura de Uberlândia se reuniu, nesta quarta-feira (23), com a Companhia de Habitação de Minas Gerais (Cohab Minas), a presidente da Associação de Moradores do Glória, Mineia do Glória e representantes dos Ministérios Públicos Estadual (MPE) e Federal (MPF) para assinatura do convênio de cooperação técnica de recursos e repasses para a regularização fundiária do assentamento do Glória.

A princípio, as obras de infraestrutura urbana estão orçadas em R$ 30,4 milhões, com vigência de cinco anos, podendo ser prorrogadas. A assinatura coloca a Prefeitura como parceira da Cohab Minas na execução da obra. São 2.023 famílias que vivem no assentamento, às margens da BR-050, também chamado de bairro Élisson Prieto.

A presidente da Associação de Moradores, Mineia do Glória, comentou sobre a assinatura desta tarde. "Estou emocionada, pois esse é um marco para a comunidade do Glória. Há quatro anos estamos nesse processo de regulamentação, e estar aqui assinando esse termo é um momento de felicidade para as famílias que vivem nesse assentamento, que logo mais será reconhecido como bairro Élisson Prieto. (...) Só quem não tem acesso à água, esgoto, asfalto, sabe como isso é importante e o quão gratificante é esse momento", disse.

A Cohab Minas assumiu em 2017 o processo de regularização da área, que, na época, pertencia à Universidade Federal de Uberlândia (UFU). A partir disso, foram realizadas diversas tentativas junto à Prefeitura, Ministérios Públicos Estadual e Federal, associação de moradores, Defensoria Pública da União e a universidade, que incluíram a entrega aos moradores do certificado de posse das propriedades. Logo, o bairro começou a receber iluminação pública e uma Unidade Básica de Saúde da Família (UBSF).

Ainda de acordo com a presidente da Associação de Moradores, "o acordo com a Cohab foi feito em 2017 e desde 2018 os moradores pagam uma taxa de serviço, que é depositada em um fundo de investimento, que chega à R$ 300.000 por mês”. Segundo Mineia do Glória, “esse recurso será utilizado para as primeiras obras no bairro".

OBRAS
De acordo com o procurador da República em Uberlândia, Leonardo Macedo, "a primeira ação a ser realizada, a pedido dos moradores, é o fornecimento de água, seguido pelo esgoto".  A Prefeitura ficará responsável pela fiscalização e processos de licitação de editais para as obras. "Os projetos serão repassados pela Cohab e entregues à Prefeitura, que vai ficar responsável pelas obras, como de esgoto, água, terraplanagem e asfalto", explicou. De acordo com o prefeito Odelmo Leão, "o processo é burocrático, mas tão logo esteja nas nossas mãos [os projetos], vamos começar os editais de licitação", afirmou.

O motorista carreteiro e morador do Glória, Rederson Alves Marques, esteve presente na solenidade e comentou sobre as expectativas com as novas mudanças. "Moro no Glória há oito anos, e me sinto muito feliz por poder presenciar esse momento, pois estamos há tempos aguardando melhorias e agora temos a certeza de que esse trabalho vai ser realizado. Hoje não temos infraestrutura nenhuma e a população vive como pode, vivemos captando água através de mangueiras, em um projeto adaptado. A expectativa é que tudo isso melhore", comentou.


VEJA TAMBÉM:

Tags »
Notícias Relacionadas »
Comentários »