18/07/2020 às 11h56min - Atualizada em 18/07/2020 às 11h56min

Diocese de Uberlândia publica decreto revogando suspensão de celebrações

Medida vale a partir do dia 1º de agosto e igrejas deverão reduzir em 30% a capacidade total; veja outras orientações

DA REDAÇÃO

Neste sábado (18), a Diocese de Uberlândia emitiu um comunicado revogando a suspensão de celebrações, com orientações de funcionamento às igrejas e paróquias na cidade. Dentre as principais recomendações, estão a proibição da entrada de crianças e pessoas do grupo de risco em missas e a redução em 30% da capacidade total das igrejas, além da higienização completa do local pelas instituições religiosas, antes e depois da realização de cada missa. O documento completo pode ser acessado clicando aqui.

Seguindo as diretrizes do Comitê de Enfrentamento à Covid-19, as instituições religiosas deverão disponibilizar, na entrada das igrejas, álcool em gel para utilização dos fiéis, determinando que cada fiel faça a higienização completa das mãos e dos calçados. As igrejas também deverão higienizar o local antes e depois de cada missa, além de reduzirem em 30% a capacidade total para a realização de suas atividades.

As pessoas que frequentarem estes locais deverão ainda manter distanciamento mínimo de dois metros entre cada pessoa, utilizando ainda as máscaras de proteção e impedindo o contato físico entre as pessoas. As celebrações deverão ter no máximo uma hora de duração.

Crianças e pessoas do grupo de risco não poderão entrar nestes locais. A Diocese de Uberlândia pede ainda que a comunhão eucarística seja recebida pelos fiéis nas mãos. Durante a realização das missas, as janelas deverão ficar abertas e folhetos não poderão ser distribuídos. Além disso, os bebedouros deverão ser lacrados e é recomendado que todas as igrejas afiram a temperatura corporal dos fiéis.

REABERTURA GRADUAL
Nesta sexta-feira (17), o prefeito Odelmo Leão informou em entrevista à imprensa a reabertura gradual do comércio em Uberlândia. A nova deliberação vale a partir de segunda-feira (20) e segue até o dia 28 de julho. Entre as atividades flexibilizadas estão as lojas em geral, restaurantes, atividades religiosas, shopping centers, salões de beleza, parques e clubes.


As novas deliberações proibem a aglomeração de pessoas em espaços públicos como ruas, praças e canteiros. A comercialização de bebidas alcoólicas, mesmo que por e-commerce, também estará vedada entre as 20h e 5h. Acesse o documento para ler todas as deliberações. As novas regras ocorrem após reunião do Comitê Municipal de Enfrentamento à Covid-19. Durante a primeira semana, ficará autorizado o funcionamento dos estabelecimentos nos bairros, das 9h às 18h, e no Centro, das 10h às 16h.

Uberlândia volta a aderir ao Minas Consciente a partir de 29 de julho, na expectativa de mudanças do plano para melhorar o enquadramento da cidade nas diretrizes. Na coletiva desta sexta, o governador Romeu Zema adiantou que já estuda fazer alterações.

VEJA TAMBÉM:


Desembargadora nega pedido da Prefeitura de Uberlândia sobre adesão ao Minas Consciente
































 

Tags »
Notícias Relacionadas »
Comentários »