28/09/2017 às 18h05min - Atualizada em 28/09/2017 às 18h05min

Parceria leva internet a 64 escolas municipais

Instituições também terão TV a cabo e treinamento para professores

VINÍCIUS ROMARIO | REPÓRTER
Secretária de Educação, Célia Tavares, diz que recursos enriquecem as aulas / Foto: Divulgação/Secom PMU

 

Escolas e professores do Município serão beneficiados por uma parceria firmada ontem, no Centro Administrativo, entre a prefeitura de Uberlândia e o Instituto Net Claro Embratel. No total, 64 escolas receberão gratuitamente dois pontos de internet e dois pontos de TV a cabo cada. Também serão oferecidas 80 horas de formação a 64 professores da rede. Uberlândia é a segunda cidade do Estado a ser contemplada com o projeto Educonexão.

Receberão os pontos de TV e internet as escolas que estão dentro da rede por onde passam os cabos de dados da empresa Net na cidade.

De acordo com a coordenadora de projetos do Instituto Net Claro Embratel, Patrícia Sanches, o sinal será doado permanentemente às escolas. “A partir do momento em que mais partes da região comecem a receber o cabeamento, o projeto também será estendido a outras escolas”, disse Patrícia Sanches.

Ainda segundo ela, a intenção do projeto é fomentar o uso da tecnologia dentro da sala de aula, contribuindo com o processo de formação dos estudantes.

Em relação à formação dos professores, os cursos virtuais e presenciais serão ministrados pelo Instituto Crescer. Também serão realizadas palestras para que esses professores aprendam a utilizar, entre outras ferramentas, blogs, vídeos e jogos digitais em projetos desenvolvidos juntos aos alunos.

“Nós já temos os laboratórios de informática nas escolas e agora estamos reestruturando essa parte para trazer mais inovação para as escolas no Município. Tudo isso é ótimo para que os professores possam enriquecer as aulas”, disse a secretária de Educação, Célia Maria do Nascimento Tavares.

Ivonilda Neves é professora do Município e foi escolhida para participar dos cursos de formação tecnológica. Segundo ela, essas experiências possibilitarão novas maneiras de ensino na sala de aula. “É muito importante trazer esse tema para o debate com os alunos. Tudo isso nos trará novas ideais, e quem ganha é principalmente o aluno”, afirmou.


Tags »
Notícias Relacionadas »
Comentários »