02/04/2020 às 12h21min - Atualizada em 02/04/2020 às 12h21min

Calote ou adiamento?

LEANDRO MAZZINI
As grandes bancas de advocacia especialistas em direito empresarial, tributário e arbitragem mergulharam há dias em estudos na Constituição e de casos concretos sobre o ítem “força maior” nos contratos. Há bilhões de reais em jogo Brasil adentro. Empresas estão recorrendo à cláusula para postergar pagamentos – e os credores estão com medo de calotes. Quem conhece o setor aposta que haverá uma enxurrada de ações judiciais e questões de arbitragens nos Tribunais de Justiça nos próximos meses. O Governo federal não escapa do assombro, no caso das concessões de portos, aeroportos e rodovias.

Coronacrise
O Estado de São Paulo registrou 8.906 pedidos de fechamento de empresas em fevereiro, antes de a coronacrise estourar. O número de março deve aumentar, e muito.

Covid Bank
Os bancos começaram a se movimentar. Caixa mandou comunicados e BB criou área no gerenciador financeiro do computador para pedido de adiamento de pagamentos.

Check-out carioca
Pelo menos 42 hotéis 4 e 5 estrelas do Rio de Janeiro seguem de portas fechadas, sem qualquer hóspede, há duas semanas, e assim vão ficar até dia 15.

Homeschooling vem aí
Após editar a Medida Provisória 934 ontem, com normas excepcionais para o Ano Letivo (reconhecendo o adiamento do calendário), o Palácio prepara o texto da MP sobre o homeschooling, a educação dos filhos pelos país. O assunto é polêmico, motivo de debates há dois anos no Congresso, e existe em países de 1º mundo como nos Estados Unidos. Já existe um projeto de lei em tramitação na Câmara, de autoria do deputado Lincoln Portela (PL-MG).

Sr. Escavadeira
A Polícia está perto de descobrir quem atirou no senador Cid Gomes no rocambolesco episódio da escavadeira jogada contra policiais amotinaos em Sobral (CE). A investigação segue a cargo do Departamento de Polícia Judiciária do Interior Norte.

Volta pra casa
O Governo estima em 7.380 os brasileiros aguardando um jatinho da FAB para repatriação, distribuídos em 80 países; 8.600 já voltaram desde o início da coronacrise.

Reféns do medo
Há centenas de argentinos acampados na alfândega da fronteira do lado brasileiro, em Foz do Iguaçu (PR). São ajudados pelo Exército do Brasil, que leva água e comida.

Cheguei
O Republicanos, ligado à bancada evangélica em Brasília, vai se fortalecendo devagar para a eleição municipal. Além dos filhos de Bolsonaro, também conquistou o prefeito sensação de Colatina (ES), Sérgio Meneguelli – famoso por suas aparições nas ruas.

Queimadas
A despeito da pandemia do virus, o Instituto Chico Mendes de Conservação da Biodiversidade vislumbra um desafio daqui 10 meses, quando começa o verão, para não virar um problema. Acaba de abrir inscrições para brigadistas e chefes de esquadrão temporários nas Unidades de Conservação federais. Para combater queimadas.

Facada no $istema
A MP 932 prevê o corte de 50% na arrecadação compulsória do Sistema S durante três meses – é sonho antigo do presidente Jair Bolsonaro. Em Goiás, o impacto pode fechar 17 unidades do Sesc e do Senac e limar 67 mil atendimentos. Segundo o presidente da Fecomércio-GO, Marcelo Baiocchi, o prejuízo estimado é de R$ 25 milhões.

Povo quer alugar
Levantamento de Fevereiro do Imovelweb, um dos maiores portais imobiliários do País, aponta que 62% das buscas foram para locações, e 38% focadas em imóveis para venda. Houve uma leve inversão. No mesmo mês de 2019, a procura por aluguel ficou em 56%, contra 44% que buscavam comprar imóveis.

João (em casa)
A volta de João de Deus para casa, em Anápolis (de tornozeleira) animou muito empresario graúdo que se trata de saúde com o médium – não com o tarado. Silvio Santos esporádicamente mandava um jatinho buscar o amigo para lhe curar a garganta.


*Esta coluna é de responsabilidade do autor e não representa, necessariamente, a opinião do Diário de Uberlândia.



















 
Relacionadas »
Comentários »