12/05/2022 às 09h50min - Atualizada em 12/05/2022 às 09h50min

Uberlândia registra primeira morte por dengue em 2022

Novo levantamento da Secretaria de Saúde informou 460 novos casos prováveis da doença na cidade

REDAÇÃO I DIÁRIO DE UBERLÂNDIA
Aedes aegypti é transmissor da dengue, chikungunya e zika I Foto: Divulgação/Fiocruz

Um boletim epidemiológico da Secretaria de Estado de Saúde de Minas Gerais (SES/MG), divulgado nesta quarta-feira (11), confirmou uma morte causada por dengue em Uberlândia. O novo levantamento aponta que a cidade contabilizou 460 novos casos prováveis da doença em apenas uma semana, totalizando 1.869 notificações da enfermidade.

Ainda de acordo com o informe, a cidade descartou um caso provável de contaminação pela chikungunya. Com a atualização, Uberlândia tem seis notificações possíveis da doença, que também é transmitida pelo mosquito Aedes aegypti.


• Compartilhe esta notícia no WhatsApp
• Compartilhe esta notícia no Telegram

No início do mês, o Diário noticiou o aumento de casos prováveis de dengue em Uberlândia. Entre abril e maio, o município teve alta de 115% no número de notificações, segundo dados compilados pela SES/MG. O boletim epidemiológico apontava que no dia 5 de abril, a cidade tinha 533 pacientes contaminados com a doença. Ao pegar o recorte entre o período até o dia 11 de maio, o crescimento de casos é de 250%. 

A produção do Diário entrou em contato com a Prefeitura de Uberlândia para buscar mais informações sobre a vítima da doença na cidade e aguarda retorno.


VEJA TAMBÉM:

Em menos de um mês, casos prováveis de dengue crescem mais de 100% em Uberlândia


Tags »
Notícias Relacionadas »
Comentários »