07/12/2021 às 10h52min - Atualizada em 07/12/2021 às 10h52min

Mais de 80% dos empresários de Uberlândia esperam crescimento nas vendas de Natal

Pesquisa realizada pela CDL informou que a maioria dos lojistas esperam aumento de mais de 10% no faturamento

MARIELLE MOURA
A pesquisa também apontou que 32,6% das empresas estarão abertas até as 19h I Foto: Arquivo Diário
Mais de 80% dos comerciantes de Uberlândia têm boas expectativas para as vendas de Natal na cidade, é o que aponta uma pesquisa realizada pela Câmara de Dirigentes Lojistas (CDL) Uberlândia com empresários. O Diário de Uberlândia ouviu uma empresária que está se programando para a data. O superintendente da CDL falou sobre a importância do planejamento neste período.
 
A pesquisa do CDL apontou que 32,1% dos comerciantes preveem um aumento de mais de 10% no faturamento, 28,6% esperam um aumento de até 10%, e 14,3% acreditam em um crescimento de até 5% no faturamento. Em contrapartida, 19% não esperam uma expansão significativa nas vendas, principalmente, em função da pandemia e da atual crise financeira.
 
Carla Medeiros é empresária no ramo de semi joias e lingerie há mais de três anos e espera que as vendas este ano sejam melhores que as do ano passado. De acordo com a lojista, o movimento já está sendo positivo. “Espero vender pelo menos 60% a mais que no ano passado. Já investi em publicações patrocinadas e contratei um funcionário temporário para suprir a demanda do período'', afirmou.
 
A superintendente da CDL, Lécia Queiroz disse que, além da data ser importante para os consumidores por conta da tradição dos presentes, outros fatores impactaram o resultado positivo deste ano.
 
“Algumas questões interferem nesta expectativa positiva dos comerciantes como, por exemplo, a abertura do comércio em horário fixo para que o consumidor não tenha dúvida de que vai encontrar aquele estabelecimento aberto em determinado dia e horário e que as lojas físicas têm a facilidade de ter o produto de pronta entrega”, disse.
 
Lécia também falou sobre a importância do lojista ter um planejamento para a data para atrair os clientes para as compras. “É muito importante o papel do planejamento e envolvimento das empresas na data, além da definição de áreas estratégicas, como estoque, preços, promoções e decoração do ponto de venda”, informou.
 
A pesquisa também apontou que 32,6% das empresas estarão abertas até as 19h, 24,4% pretendem abrir até as 20h e 14% ficarão abertas até às 21h. As empresas pretendem abrir nas duas primeiras semanas, entre os dias 6 e 18 de dezembro, até às 19h e nas duas últimas semanas que antecedem o Natal, entre 20 e 31 de dezembro, até às 20h.
 
CONSUMIDORES
Além das empresas, a pesquisa da CDL também analisou a intenção de compra dos consumidores. 79% dos consultados pretendem fazer compras de Natal e a maioria, 70% deles, optam por roupas, calçados e acessórios, seguidos de 10% que irão buscar perfumes e produtos de beleza em geral.
 
O levantamento também mostra que 69% dos consumidores entrevistados pretendem comprar em lojas físicas e 31% em lojas online “As pessoas voltaram ao costume de ir à loja, experimentar, verificar a qualidade daquele determinado produto, atitude que na compra digital é mais restrita”, informou a superintendente da CDL.
 
Ainda segundo a pesquisa, 73% dos consumidores investirão até R$ 100 no presente e 27% acima de R$ 100. Lécia também comentou que o valor pretendido supera o que foi gasto no ano passado. “A intenção dos consumidores é ir às compras, 79% deles pretendem comprar e estão falando em investir até R$ 100 em presentes e esse valor, em comparação ao ano passado, está um pouco acima”, explicou.
 
A forma de pagamento mais utilizada pelos consumidores será o cartão de crédito, pela possibilidade de parcelamento da compra (55%). Os demais entrevistados vão optar pelo pagamento à vista/débito (45%). Além disso, 95% dos participantes perceberam o aumento no valor das opções de presente em relação ao ano passado.
 
A consultora de vendas Julimara Nascimento é uma das consumidoras que pretendem gastar mais. Ela é tia de um garoto de sete anos e faz questão de presenteá-lo no Natal.
 
Neste ano, a consultora espera gastar mais de R$ 1 mil em overboard para o sobrinho e por isso será o único a ser presenteado da família. “Ele estava querendo o presente há muito tempo e então fizemos um combinado. Ele cumpriu uma lista de deveres o ano todo e como ele fez tudo certinho, ele merece” disse.
 
NATAL DE PRÊMIOS CDL
A pesquisa também apurou o que os empresários vão fazer para atrair os clientes. 28,7% das empresas devem aumentar o estoque de produtos de maior giro, 13,8% vão realizar promoções, 9,2% devem investir em novos produtos e novidades; 11,5% apostarão em outras ações.
 
Além disso, 21,8% já estão participando da campanha Natal de Prêmios CDL, que sorteará mais de 70 mil reais. “Lançamos a campanha de natal no dia 29 de novembro e ela irá sortear mais de 70 mil reais em vales-compra, bikes e scooters elétricas para clientes das lojas participantes”, explicou a Superintendente da CDL.
 
Lécia também explicou como funcionarão os sorteios. “O consumidor faz a compra acima de R$ 50 na loja participante, recebe o cupom da sorte, cadastra o número no site da campanha e pode ser premiado instantaneamente com os vales-compras de R$250 ou R$500. Nas quatro semanas de dezembro, a partir do dia 9, vão ocorrer sorteios pela loteria federal”, disse.

VEJA TAMBÉM:
 
 
 

Tags »
Notícias Relacionadas »
Comentários »