05/10/2021 às 13h52min - Atualizada em 05/10/2021 às 13h52min

Dupla é presa suspeita de torturar e matar homem em Uberlândia

Segundo a Polícia Civil, o crime seria parte do chamado “tribunal do crime” feito por facções criminosas na cidade

DA REDAÇÃO

Dois jovens, de 26 a 28 anos, foram presos, nesta segunda-feira (5) em Uberlândia, suspeitos de torturar, matar e colocar fogo no corpo de um homem. O crime seria parte do chamado “tribunal do crime” feito por facções criminosas.

 

De acordo com o registro da ocorrência, a Polícia Militar (PMMG) foi acionada em uma estrada de terra que fica na marginal da BR-365, no bairro Novo Mundo, depois que uma pessoa que passava pelo local viu o corpo em chamas.

 

A perícia e investigadores da Polícia Civil estiveram no local e, durante as análises iniciais, não encontraram nenhum ferimento devido ao estado avançado de carbonização do corpo. Somente no Instituto Médico Legal (IML) foi possível identificar que a vítima morreu de traumatismo craniano.

 

Ainda durante as investigações iniciais, a Patrulha de Prevenção de Homicídios (PPH) da Polícia Militar recebeu uma denúncia sobre dois suspeitos que fazem parte de uma facção criminosa e que poderiam estar envolvidos no crime. 

 

Com o apoio da Polícia Civil, as buscas começaram pelo bairro Morumbi onde a dupla foi vista em um carro em alta velocidade. Os investigadores conseguiram parar o veículo e dentro dele encontraram galões de gasolina vazios e aparelhos celulares.

 

Ainda de acordo com as investigações, a dupla teria feito um julgamento por crimes cometidos pela vitíma. Antes de ser morto, o homem ainda foi torturado. A Polícia Civil continua com as investigações para identificar se há outros envolvidos no homicídio.

 

O corpo continua no IML sem identificação. De acordo com o registro da ocorrência, o homem tinha aproximadamente 45 anos.

VEJA TAMBÉM:

Tags »
Notícias Relacionadas »
Comentários »