11/09/2021 às 10h03min - Atualizada em 11/09/2021 às 10h03min

Orlando Resende, ex-diretor do Dmae, morre aos 73 anos

Resende era figura ativa na política em Uberlândia; velório será neste sábado (11) na Paz Universal

DA REDAÇÃO
Orlando Resende, morreu aos 73 anos, após sofrer um infarto em sua fazenda.| Foto: Redes Sociais/Reprodução

Morreu nesta sexta-feira (10), aos 73 anos, o ex-diretor do Departamento Municipal de Água e Esgoto (Dmae) Orlando Resende, após sofrer um infarto. Ele se sentiu mal na fazenda, chegou a ser socorrido, mas chegou sem vida a Uberlândia. Natural de Estrela do Sul, Orlando morreu no dia de seu aniversário, ele era engenheiro civil, empresário, produtor rural e um dos fundadores do Partido dos Trabalhadores (PT) em Uberlândia.

 

Resende era figura ativa na política da cidade, foi candidato a deputado federal pelo partido em 1982, secretário municipal de Obras na Prefeitura de Uberlândia na administração do ex-prefeito Zaire Rezende (2001-2004) e diretor do DMAE na gestão de Gilmar Machado (2013-2016). O empresário era também cantor e apaixonado por moda de viola.

 

Orlando deixa a esposa Carmen e dois filhos, Lucas e Fernanda. O velório acontece neste sábado (11) na Paz Universal, em Uberlândia. De 11h às 16h20. 

O ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva, companheiro de partido e amigo de Orlando, se manifestou sobre a morte através de nota. Leia na íntegra:

 

“Orlando Resende foi um dos fundadores e principais nomes do PT em Uberlândia, desde a década de 1980 construindo o partido na região, atuando no serviço público e lutando por uma Uberlândia e Brasil melhores e mais justos. Agradeço o carinho e a amizade de Orlando nas várias visitas que fiz ao Triângulo Mineiro desde os anos 1980. Meus sentimentos e solidariedade aos seus familiares, amigos e companheiros de Orlando Resende.

Luiz Inácio Lula da Silva”

 

O Partido dos Trabalhadores (PT) de Uberlândia também emitiu uma nota de pesar e destacou a importância da trajetória política de Orlando Resende na história do partido na região. Leia um trecho: 

 

“Por toda sua história de luta e pelo seu trabalho, o companheiro Orlando deixa um grande legado para a cidade de Uberlândia e para o Partido dos Trabalhadores (PT). A sua esposa Carmem e seus filhos Lucas e Fernanda, os nossos mais sinceros sentimentos. Que Deus conforte os corações de toda família e amigos. Vá em paz companheiro!”

 

 



VEJA TAMBÉM:

 

Tags »
Notícias Relacionadas »
Comentários »