28/02/2020 às 08h00min - Atualizada em 28/02/2020 às 08h49min

Pacientes internados com suspeita de coronavírus recebem alta em Uberlândia

Jovem e homem estavam no Hospital Santa Clara; eles continuarão em observação domiciliar até que os resultados dos exames fiquem prontos

DA REDAÇÃO

Os dois pacientes internados com suspeita do novo coronavírus no Hospital Santa Clara em Uberlândia receberam alta no fim do dia desta quinta-feira (27). O homem de 31 anos e a jovem, de 28, deram entrada na unidade na última quarta-feira (26).

Conforme repassado pela Secretaria Municipal de Saúde (SMS) durante uma coletiva de imprensa na tarde desta quinta, os dois pacientes viajaram nos últimos dias para a Itália e apresentaram sintomas de contaminação pelo vírus. Eles continuarão em observação domiciliar até que os resultados dos exames fiquem prontos.

Até o momento, oito casos suspeitos foram notificados em Uberlândia. Os dois pacientes estavam na lista das três pessoas que seguiam internadas em hospitais da cidade. A outra paciente é a jovem de 28 anos internada no Hospital de Clínicas da Universidade Federal de Uberlândia (HC-UFU). 

Os outros cinco pacientes também foram atendidos em unidades privadas da cidade na quarta-feira, mas voltaram para casa pois apresentaram sintomas leves. Deles, uma família de quatro pessoas foi atendida pelo Hospital Santa Marta. O hospital informou à reportagem que a família procurou o atendimento médico, mas foi diagnosticada somente com uma síndrome gripal e continuará em observação domiciliar pelos próximos dias.

Ainda de acordo com a SMS, todos os pacientes passaram por exames de secreção. As amostras coletadas pela Vigilância Epidemiológica Municipal serão enviadas para Belo Horizonte. Ainda não há um prazo para a divulgação dos resultados.


Paciente no HC-UFU
Em boletim médico atualizado sobre a paciente que está internada desde a última quarta (26), o HC-UFU informou que ela encontra-se em bom estado geral, com sinais vitais estáveis (pressão arterial e frequência cardíaca dentro do limite da normalidade), sem febre nas últimas 48 horas, função renal e diurese preservadas e respirando em ar ambiente sem necessidade de oxigênio suplementar. A equipe médica ainda mantém suporte clínico e aguarda resultado de exames encaminhados para Belo Horizonte.

O HC-UFU reiterou que, diferente do que foi divulgado anteriormente, a paciente esteve em viagem à Inglaterra e fez apenas uma conexão aérea na Itália.



* O texto foi atualizado às 16h08 desta sexta-feira (28). 


 
Tags »
Notícias Relacionadas »
Comentários »