31/10/2019 às 07h45min - Atualizada em 31/10/2019 às 07h45min

Oficina Cultural de Uberlândia recebe exposição fotográfica de bailarinos

"Tournant Dans la Danse", de Fernanda Torquato, tem o objetivo de despertar o interesse pela dança

ADREANA OLIVEIRA
Torquato reúne em sua exposição duas paixões: a dança e a fotografia | Foto: Fernanda Torquato

A jornalista, fotógrafa e professora universitária Fernanda Torquato faz sua segunda exposição individual, a primeira em Uberlândia, na Galeria Alternativa da Oficina Cultural. A primeira exposição foi na Universidade Federal de Viçosa (UFV), onde fez sua graduação.

“Tournant Dans la Danse” reúne fotografias de bailarinos produzidas por Fernanda Torquato entre os anos de 2015 e 2018. Ela, que dançou ballet clássico dos 6 aos 23 anos de idade, e ainda dança esporadicamente, encontrou nesta temática duas paixões: fotografia e dança.

“Quando vim de Viçosa para Uberlândia fiz assessoria do Ballet Vórtice. Fotografava espetáculos e bailarinos da companhia e nesta seleção estão imagens do Dia Internacional da Dança, espetáculos anuais de dança e do ballet da Vórtice, Prêmios de Dança Uberlândia e seletiva do Youth America Grand Prix (YAGP)”, contou a fotógrafa.

Porém, antes disso, ela começou a exercer a fotografia na dança ainda em Viçosa, na Êxtase, em que dançava. Aprendeu muito da técnica com o fotógrafo da companhia, Reyner Araújo. “Como eu dançava no ballet clássico, fotografava os espetáculos da dança contemporânea”.

Quando saiu o edital para ocupação das galerias em Uberlândia, Fernanda já pensava em fazer uma exposição com as fotos dos espetáculos que tinha em seu arquivo. A tradução do título é “Instante decisivo na dança”, porque é isso que ela procurou na hora de selecionar as imagens. O conceito é do fotógrafo Henri Cartier Bresson.

“Pensei no momento decisivo que consegui registrar durante instantes em que os bailarinos executavam um movimento de alta complexidade, quando é possível ver a emoção deles na imagem, pensei muito nisso.”

Com a ajuda do publicitário Luciano Araújo, ela selecionou as fotos, ele fez o tratamento das imagens e foi pensada a disposição na galeria. Uma das paredes é ocupada por fotos de bailarinas executando solos de dança contemporânea, estilo livre ou variações de clássico de repertório; em outra, bailarinos e bailarinas durante saltos e na última os bailarinos em momentos de agradecimento.

A ideia, é despertar nas pessoas o interesse pela dança, afinal, muitos de seus retratados que começaram em Uberlândia ou outras cidades da região fazem carreira hoje em grandes companhias no Brasil e no exterior.
 
SERVIÇO
O QUE: exposição “Tournant Dans la Danse”
QUEM: Galeria Sala Alternativa da Oficina Cultural
QUANDO: até 17 de dezembro, visitas, de segunda a sexta-feira das 12h às 18h
ENTRADA FRANCA
CLASSIFICAÇÃO: livre
INFORMAÇÕES: 3231-8608





 

Tags »
Notícias Relacionadas »
Comentários »