08/10/2019 às 16h56min - Atualizada em 08/10/2019 às 16h56min

Cerca de 6 mil crianças devem receber dose zero contra o sarampo em Uberlândia

Campanha vai até o dia 25 com foco em crianças entre seis e 11 meses

SÍLVIO AZEVEDO
Medida visa dar a bebês imunidade imediata até atingirem a idade correta | Foto: P10 Luz/Secom/PMU
Começou nesta segunda-feira (8) a campanha de vacinação contra o sarampo, doença que estava erradicada no país até 2018 e que começa a se tornar um risco de epidemia. Somente neste ano já foram confirmados 34 casos em Minas Gerais, sendo nove em Uberlândia. Além das crianças com mais de um ano de idade, que é o público alvo normal, a campanha visa atingir também bebês com idade entre seis e 11 meses com a chamada “dose zero”. A determinação foi feita pelo Ministério da Saúde em agosto para dar imunidade imediata até atingirem a idade correta, que vai de 12 e 15 meses.

Segundo a coordenadora do programa municipal de imunização, Cláubia Oliveira, até 12 meses o sistema imunológico da criança, mesmo recebendo a vacina, não responde com o tanto de anticorpos que precisa, pois ela não possui as chamadas de célula de memória. “Só depois de um ano que o sistema imunológico tem condições de produzir o tanto de anticorpos que ela precisa para, aí sim, se ela tiver contato com o sarampo, serem ativados e eliminar a doença”, explicou.

De acordo com a coordenadora, a vacinação para a faixa etária entre seis e 11 meses começou em agosto, e, até o dia 25 de outubro, período final da campanha, cerca de 6 mil crianças nessa faixa etária devem estar imunizadas. Até ontem, 4.142 crianças haviam recebido a dose zero, restando ainda 1.858.

“É uma dose de proteção imediata até estar pronta para receber a vacina de 12 e 15 meses. Essas duas é que vão protegê-la para a vida toda. O imediato é pelo risco de terem sarampo com essa faixa de idade, [devido] esse aumento do número de casos de uma doença que estava erradicada até 2018”.

A vacina não está disponível apenas para crianças. Todas as pessoas com idade até 49 anos podem ser vacinadas. “O nosso foco é a sensibilização, a divulgação da vacinação de crianças menores de cinco anos, pois é nessa faixa etária que vai acontecer os óbitos. Mas qualquer pessoa, de 49 anos ou menos que chegar a um ponto de imunização será vacinada”, disse Cláubia Oliveira.

Caso a pessoa tenha dúvidas se já foi imunizada em algum momento de sua vida e não possui cartão de vacina é indicado a aplicação da dose. “Tomar dose da vacina de sarampo repetida não causa nenhuma reação adversa”, afirmou Cláubia. 

Para atender a demanda, a Prefeitura disponibilizou 74 salas de imunização nas Unidades Básicas de Saúde da Família (UBSF), Unidades Básicas de Saúde (UBS) e Unidades de Atendimento Integrado (UAI) dos bairros Luizote de Freitas, Martins, Pampulha, Planalto, Roosevelt e Tibery.
 
Horários de funcionamento das salas de vacinação:
UBSF - Segunda a sexta-feira - 7h30 às 16h30

UBS - bairros Jaraguá, Custódio Pereira, Guarani, Patrimônio, Nossa Senhora das Graças, Dona Zulmira e Santa Rosa - Segunda a sexta-feira - 7h30 às 18h30

UBS do Tocantins e Brasil – 7h30 às 20h

UAI – bairros Pampulha, Tibery, Planalto, Luizote de Freitas, Roosevelt e Martins - Segunda a sexta-feira - 7h30 às 20h






 

Tags »
Notícias Relacionadas »
Comentários »