13/07/2019 às 09h10min - Atualizada em 13/07/2019 às 09h10min

Grupo de quadrilha estilizada representará Uberlândia em festival estadual

Equipe ganhou o 9ª Festival de Quadrilha da cidade; uma vaquinha online foi criada para ajudar nos custos

BRUNA MERLIN
Grupo competiu título com três grupos e também ganhou R$ 3 mil | Divulgação
“Andar com fé eu vou, que a fé não costuma faiá”, esse é o tema de uma dança de quadrilha estilizada que levará o Grupo Junino Forrozarte de Uberlândia para o Concurso Estadual de Quadrilhas Juninas Mineiras em Belo Horizonte. Para conseguir se deslocar até a capital, os integrantes do grupo estão fazendo uma “vakinha” online e pedem a ajuda da população para concretizarem o sonho. 

Tudo começou no 9º Festival de Quadrilha de Uberlândia que foi realizado no dia 9 de junho, na praça Sérgio Pacheco, durante a Festa Junina da Ação Moradia. Em meio a três grupos, os dançarinos do Forrozarte se apresentaram durante 25 minutos e se tornaram bicampeões do festival. Além disso, garantiram uma vaga na competição estadual e R$ 3 mil. 

A história de um vilarejo, que ficou destruído devido ao rompimento de uma barragem, foi a escolhida para a interpretação da dança e encheu os olhos dos jurados. “Após a tragédia, nós representamos a fé através da imagem da Nossa Senhora Aparecida, que encoraja a população do vilarejo a andar com a cabeça erguida e procurar outro local para morar”, explicou o dançarino e diretor de comunicação do grupo, José Elileudo Holanda Lima Júnior, de 23 anos.

Esse também será o tema apresentado no concurso estadual. Nesta segunda etapa, o Forrozarte irá competir com grupos de outras cidades do interior de Minas. Além do prêmio de R$ 10 mil para o primeiro colocado, os ganhadores receberão o reconhecimento da cultura representada por cada município do estado.

GRUPO JUNINO FORROZARTE
Grupo de quadrilha estilizada representará Uberlândia em concurso estadual

Grupo de quadrilha estilizada representará Uberlândia em concurso estadual

Grupo Junino Forrozarte, criado em 2015, conta com 49 integrantes | Foto: Divulgação

O Grupo Junino Forrozarte de Uberlândia foi criado em 2015 e atualmente conta com 49 integrantes que compõem a equipe de dançarinos, de produção e de apoio. “Ele foi criado por três mulheres que frequentavam uma igreja da cidade e participavam de um grupo de teatro. Certo dia, elas visitaram um dos festivais de quadrilha e tiveram a ideia de criar o Forrozarte”, afirmou Elileudo.

Ainda de acordo com o jovem, todos os dançarinos são amadores e fazem parte do grupo por paixão e hobby. “A maioria dos integrantes é jovens e universitários. A dança faz parte de uma diversão e sonho”, ressaltou ele.

VAKINHA
Para sobreviver e continuar funcionando, a equipe conta com patrocínios e ajuda da população. O grupo não tem apoio de programas municipais ou estaduais. A organização chega a gastar em média R$ 16 mil para a produção das apresentações. “São figurinos, maquiagens, espaços para ensaiar e outros insumos que precisamos”, ressaltou Elileudo.

O grupo pretende contratar um serviço de ônibus de viagem para ir até a cidade de Belo Horizonte e participar do concurso estadual. O preço desse recurso é de R$ 6,3 mil e a organização arrecadou, até o momento, somente R$ 3,2 mil com apresentações em eventos do município.

Para conseguir o valor total necessário, o grupo está realizando uma vakinha online que ficará disponível até o dia 18 de julho. Os interessados podem ajudar com qualquer quantia e também fazer parte do sonho da equipe. Mais informações podem ser obtidas na página do Instagram do Forrozarte.

Tags »
Notícias Relacionadas »
Comentários »