03/07/2018 às 19h46min - Atualizada em 03/07/2018 às 19h46min

Mandados de prisão são cumpridos em operação

Foram 38 pessoas presas em cinco cidades da região

CAROLINA PORTILHO | REPÓRTER
Mandados cumpridos em Uberlândia (Polícia Militar/Divulgação)
As polícias Civil e Militar, juntamente com o Ministério Público, realizaram nesta terça-feira (3) mais uma etapa da Operação O Regresso, iniciada na sexta-feira (29). A ação é em combate às organizações criminosas que atuam no estado e no cumprimento de mandados de prisão em aberto.

De acordo com o major Rodrigo Brasil, assessor de imprensa da PM, até o início da noite desta noite foram cumpridos 38 mandados de prisão nas cidades de Uberlândia, Araguari, Ituiutaba, Prata e Santa Vitória. Entre as ocorrências a apreensão de um menor de idade.

O major comentou ainda que durante o cumprimento de mandados foram liberadas duas pessoas que estavam mantidas como reféns. Não foi informado à reportagem do Diário de Uberlândia o bairro onde esse registro foi feito.

Ação resulta em 170 prisões em três meses

Nos últimos três meses, policiais militares e civis de Minas Gerais prenderam pelo menos 170 pessoas suspeitas de participação em crimes violentos e recorrentes. A maior parte dos presos é de condenados foragidos do sistema prisional ou que deveriam estar presos temporariamente. Por este motivo, as autoridades batizaram a operação de “O Regresso”.

Entre os mandados judiciais já cumpridos com a ajuda do Ministério Público de Minas Gerais (MPMG), há autorizações para prisões temporárias, preventivas e de recaptura. Desde o início das investigações, em abril deste ano, os mandados judiciais vêm sendo cumpridos em todas as regiões do estado, atingindo integrantes de diferentes facções criminosas.
Tags »
Notícias Relacionadas »
Comentários »