29/08/2017 às 05h15min - Atualizada em 29/08/2017 às 05h15min

Segurança nos campi da Ufu será reforçada com câmeras

Equipamentos serão instalados em Uberlândia, Monte Carmelo e Ituiutaba

DA REDAÇÃO

Começou nesta terça (29) o processo de instalação das 200 câmeras de segurança nos campi de Uberlândia, Monte Carmelo e Pontal da Universidade Federal Uberlândia (UFU). A medida faz parte de um grupo de ações para aumentar a segurança, das quais contempla o atendimento via WhatsApp para receber denúncias da comunidade acadêmica, lançado em junho.

Ainda hoje foi feito o mapeamento dos locais de instalação das câmeras nos campi de Uberlândia. Já amanhã será a vez do Campus Pontal, enquanto na quarta-feira o trabalho será realizado em Monte Carmelo. 

De acordo com o diretor de Logística da UFU, Flávio Martins de Freitas, a empresa que ganhou o processo de licitação já fez uma visita técnica para avaliar alguns locais junto com a Divisão de Vigilância e Segurança Patrimonial da UFU (Divig). Freitas explica que as câmeras serão colocadas em áreas que possibilitem maior visibilidade de área e estarão presentes em todos os blocos. 

"No 3Q, 5R e 5O do Campus Santa Mônica serão instaladas nos corredores porque são locais com grande circulação de pessoas. Nos outros blocos, elas serão externas". Além disso, as áreas da Reitoria, Bibliotecas e Restaurantes Universitários (RUs) também serão monitoradas pelas câmeras.

A empresa também será responsável pelo monitoramento 24h dessas câmeras. O diretor esclarece que, ao serem observadas atitudes suspeitas, os vigilantes serão acionados para o local.

 

WHATSAPP

Desde junho, a comunidade acadêmica conta com um número de WhatsApp da Divig para receber denúncias. O foco do recurso são solicitações urgentes, que podem ser feitas todos os dias (inclusive sábados, domingos e feriados), das 7h às 23h, pelo número (34) 9 9996-4597. O recurso é somente para mensagens de texto ou voz e não recebe ligações.

Ao todo, já foram realizados 57 atendimentos. Apesar da base de atendimento estar localizada no Campus Santa Mônica, o serviço abrange também os campi Umuarama, Glória e Educação Física. Assim que a mensagem é recebida, o servidor responsável entra em contato com algum vigilante que está no campus onde a denúncia foi feita e, se necessário, ele vai até o local da ocorrência.

Tags »
Notícias Relacionadas »
Comentários »