16/08/2017 às 18h25min - Atualizada em 16/08/2017 às 18h25min

Sócio-fundador do Cajubá morre aos 100

DA REDAÇÃO

Morreu na última terça-feira (15), aos 100 anos, o médico veterinário Luciano Belo Pereira. Ele faleceu em casa, vítima de insuficiência renal e hipertensão arterial.

Pereira ajudou a instalar o primeiro laboratório brasileiro para a fabricação da vacina contra a febre aftosa, o Instituto Vallèe, em 1960. O aposentado era também sócio-fundador do Cajubá Country Clube e um dos fundadores e presidente de honra do Clube Filatélico de Uberlândia.

“Ele foi sempre um homem a frente do seu tempo, sempre antenado e um grande pai”, disse uma a filha Stella Márcia Belo Pereira Rocha. Luciano Pereira deixa seis filhos, 13 netos e dez bisnetos.

Tags »
Notícias Relacionadas »
Comentários »