04/07/2017 às 16h25min - Atualizada em 04/07/2017 às 16h25min

Suspeito de assaltar e atropelar motorista de Uber é preso

Ele e um comparsa podem ter furtado outros 9 veículos em Uberlândia

VINÍCIUS ROMARIO | REPÓRTER

A Polícia Civil informou, ontem, sobre a prisão de dois jovens de 19 anos, suspeitos de envolvimento em cerca de dez casos de roubo/furto a carros na cidade de Uberlândia. Ainda segundo a PC, a dupla agia principalmente nas zonas sul e leste da cidade. Durante as investigações, três veículos foram recuperados pelos policiais. De acordo com a PC, um dos suspeitos também foi reconhecido pelo roubo conhecido como “Caso do aplicativo Uber”.

Na ocasião, no dia 25 de junho, um dos suspeitos solicitou uma corrida pelo aplicativo. Após darem várias voltas, o jovem pediu para que motorista parasse o veículo e aplicou nela um golpe conhecido como “gravata”, deixando-a inconsciente. Com a mulher caída fora do carro, o suspeito passou com veículo sobre as pernas e quadril dela, fraturando esses membros.

Também durante as investigações da Delegacia Especializada de Investigação a Furto e Roubo de Veículos Automotores ainda foram apreendidas 120 peças de carro de origem duvidosa em um ferro-velho da cidade. Algumas delas foram identificadas como produto de crime e pertenciam a um carro roubado no dia 9 de março desse ano no bairro Martins, setor central da cidade. Após denúncia, a PC também encontrou diversas peças de caminhões de origem ilícita em um estabelecimento comercial.

O primeiro suspeito foi preso em casa, local onde foram localizadas e apreendidas uma touca-ninja, balaclavas e um rádio comunicador HT. Já o segundo envolvido foi preso pela Polícia Militar (PM) em flagrante pelo crime de porte ilegal de arma de fogo de uso restrito. Realizadas as prisões, várias vítimas foram convidadas a realizar o reconhecimento pessoal dos indivíduos.

A dupla foi levada para o presídio Jacy de Assis e os materiais apreendidos estão em posse da PC.

Tags »
Notícias Relacionadas »
Comentários »