21/10/2021 às 11h00min - Atualizada em 21/10/2021 às 11h00min

Uberlândia Esporte Clube começa a anunciar renovações para 2022

Artilheiro Ingro não garante permanência para o ano do centenário

SÍLVIO AZEVEDO
Meia foi o artilheiro da equipe, com 11 gols em 20 jogos I Foto: Giovanni Mendes/UEC
O Uberlândia Esporte Clube começou a divulgar a renovação do contrato de atletas que disputaram a Série D deste ano, em que a equipe chegou às quartas-de-final, para a disputa do Campeonato Mineiro de 2022.
 
Através das suas redes sociais, o clube anunciou a renovação do goleiro Rafael Roballo, dos laterais Kellyton e Mateus Mendes, e dos volantes João Paulo, Luanderson, Naílson e Maicon Souza. Quem também permanecerá é o zagueiro Eduardo Thuram, que tem contrato com o UEC até o final do Campeonato Mineiro do ano que vem. Todos os atletas formam o setor defensivo do time.

No meio da tarde, o UEC informou que o atacante Felipe Pará também renovou contrato e disputará o Campeonato Mineiro de 2022 pelo clube. A expectativa da torcida é em relação ao meia-atacante Ingro, artilheiro do time na Série D, com 11 gols marcados.


Em conversa com o Diário de Uberlândia, Ingro informou que recebeu proposta de renovação do Uberlândia Esporte Clube, mas ainda não definiu onde jogará em 2022. “Ano que vem ainda não tem nada decido. Está tudo O clube fez a proposta, mas preferi esperar o final do ano para definir”, disse.
 
O meia ainda falou sobre sua passagem pelo clube durante a disputa da Série D. “Foi uma vitrine muito boa, aprovei bem a oportunidade. Primeiramente agradecer a Deus pela oportunidade, o Uberlândia por ter aberto as portas do clube, uma cidade muito boa de morar. O trabalho foi excelente, que começou com o Waguinho (Dias) e dois com o Chiquinho Lima, o elenco fantástico que ajudou no projeto”, destacou.
 
Nesta quarta (20), Ingro foi anunciado pelo Uberaba Sport Clube para a o restante da 2ª Divisão do Campeonato Mineiro deste ano. O atleta disse ainda que estava indo para São Paulo quando chegou o convite para jogar pelo Zebu. “Minha esposa está grávida, não pode viajar, meu filho está perto de nascer, veio a proposta do Uberaba e conciliou tudo. Ficar perto da minha esposa, do meu filho que vai nascer”.
 
TEMPORADA
O Uberlândia Esporte Clube fechou 2021 com a boa participação na Série D do Campeonato Brasileiro, chegando às quartas-de-final e sendo eliminado pela Aparecidense (GO) com um placar combinado de 2 a 1, após perder em casa e empatar na casa do adversário.
 
Na competição nacional, o Verdão terminou a fase de grupos em terceiro lugar, com 23 pontos conquistados em 14 jogos, com seis vitórias, cinco empates e três derrotas. Na fase seguinte, enfrentou o Nova Mutum (MT), passando com um placar agregado de 3x1, vencendo o jogo de volta fora de casa por 2 a 0.
 
Nas oitavas-de-final, o difícil encontro com o Joinville (SC) foi decidido apenas nas penalidades, após o Verdão vencer em casa por 1 a 0 e perder fora, por 2 a 1, ficando a apenas a dois jogos do sonhado acesso à Série C em 2022, ano do seu centenário.
 
Porém, nas quartas, encontrou uma Aparecidense equilibrada, entrosada, com um estilo de jogo que envolveu o Verde nas duas partidas, culminando na eliminação.
 
OUTRAS COMPETIÇÕES
A temporada 2021 começou com a mudança na gestão do clube, após troca de diretoria. Com pouco tempo de trabalho, o Uberlândia já iniciou o ano com a disputa da Recopa Mineira, em jogo único, que contou com os campeões do Interior, Tombense, e do Troféu Inconfidência, Verdão, da temporada passada. Esse jogo deveria ter acontecido em 2020, mas foi adiado pela Covid-19. Na partida, o recém-formado time do Triângulo foi derrotado por 2x0.
 
Em seguida foi a vez do Campeonato Mineiro, onde o time começou empatando com o Cruzeiro por 1 a 1, sofrendo o gol de empate nos minutos finais da partida. Nas rodadas seguintes, o time oscilou bastante bons e maus momentos, porém terminou a competição na 9ª posição, com 12 pontos, fora da zona de classificação para a Série D de 2022 e do Troféu Inconfidência.
 
O clube ainda disputou a Copa do Brasil, enfrentando em casa a Luverdense (MT). Era a chance de avançar de fase e levar uma premiação de R$ 675 mil, além dos R$ 540 mil garantidos, porém o adversário jogava pelo empate (ao mandante só interessava a vitória) e o 1 a 1 eliminou a equipe mineira da competição.
 
Ao final da temporada, somando todas quatro competições, foram 33 jogos, sendo 11 vitórias, 11 empates e 11 derrotas, com 41 gols marcados e 42 sofridos. O artilheiro foi Ingro, que fez 11 gols em 20 jogos.


*Matéria atualizada às 15h19 para acréscimo de informações.


VEJA TAMBÉM:

Tags »
Notícias Relacionadas »
Comentários »