07/01/2021 às 09h04min - Atualizada em 07/01/2021 às 09h04min

Juiz de Uberlândia morre vítima de Covid-19

Miller Rogério Couto Justino estava internado e faleceu na terça-feira (5); TJMG declarou luto de três dias

DA REDAÇÃO
O juiz Miller Rogério Couto Justino, que atuava na 4ª Vara de Família e Sucessões da comarca de Uberlândia, morreu em decorrência da Covid-19. O Tribunal de Justiça de Minas Gerais (TJMG) lamentou a morte do magistrado e decretou luto oficial de três dias.

A informação foi confirmada pelo TJMG nesta quarta-feira (6). Miller estava internado em um hospital particular da cidade e faleceu na noite de terça-feira (5). O velório foi realizado na Funerária Paz Universal.

O presidente do TJMG, desembargador Gilson Soares Lemes, lamentou a morte do juiz e informou que ele é o segundo magistrado que foi vítima da doença. "É com muita tristeza que determino a publicação do decreto do luto oficial de três dias no Tribunal de Justiça de Minas Gerais, em face da perda do segundo magistrado da ativa em razão da pandemia que assola nosso país e o mundo", declarou.

Por fim, Gilson Soares disse que Miller era um magistrado dedicado, operoso, altamente qualificado e atuava com seriedade e independência na comarca de Uberlândia. Além disso, os dois compartilhavam uma amizade de longa data.



 
Tags »
Notícias Relacionadas »
Comentários »