09/09/2020 às 08h24min - Atualizada em 09/09/2020 às 08h24min

Bombeiros retomam buscas por médico de Uberlândia desaparecido em cachoeira

Homem está desaparecido desde a última segunda-feira (7) na Cachoeira da Fumaça; militares acreditam que ele foi arrastado para debaixo das pedras

DA REDAÇÃO
Mergulhadores precisaram usar cordas em alguns pontos para se proteger da correnteza | Foto: Corpo de Bombeiros/Divulgaçãi

O Corpo de Bombeiros iniciou, na manhã desta quarta-feira (9), o terceiro dia de buscas pelo médico de 30 anos que se afogou na região da Cachoeira da Fumaça, às margens da MGC-452, entre as cidades de Uberlândia e Nova Ponte. O homem está desaparecido desde a tarde da última segunda-feira (7), quando visitava o local com um grupo de amigos.

 

O acidente aconteceu a aproximadamente 80 metros da queda da cachoeira, segundo os amigos da vítimas. Eles estavam tentando atravessar o rio quando o homem submergiu e não voltou mais à superfície.

 

Segundo os militares, a forte correnteza das águas deve ter arrastado o médico para debaixo das pedras do local. Nesta terça-feira (8), os bombeiros chegaram a fazer mergulho de até 2.100m² entre as pedras, o rio e o lago natural. Foi necessária a utilização de cordas em alguns pontos para a maior segurança dos mergulhadores.



VEJA TAMBÉM: 
 
Tags »
Notícias Relacionadas »
Comentários »