02/09/2020 às 17h23min - Atualizada em 02/09/2020 às 17h23min

​Como encontrar as melhores clínicas de recuperação em SP (São Paulo) e MG (Minas Gerais) - tratamento para dependentes químicos em São Paulo e Minas Gerais

PUBLIEDITORIAL
De acordo com estudos da UNIFESP, hoje em dia aproximadamente 28 milhões de pessoas têm algum parente dependente químico ou alcoólatra em sua família.

Confira as melhores clínicas de recuperação em São Paulo, Minas Gerais e ao redor de todo o Brasil
clicando aqui.

A (Bella Clinic)  é um dos sites com o maior número de opções de clínicas de recuperação para dependentes químicos e alcoólatras do Brasil e do mundo!

Este levantamento mapeou os usuários de álcool ou drogas em reabilitação/recuperação que são aproximadamente 8 milhões de brasileiros internados em clínicas que são dependentes de maconha (thc ou erva), álcool (bebidas alcoólicas) ou cocaína (pó).

Clínicas de recuperação para dependentes químicos ou alcoólatras que aceitam plano de saúde / convênio médico (Amil, Sul América, medial, Bradesco, Notre Dame entre outros planos de saúde/convênios. 
Muitas dúvidas podem, no entanto, surgir de fato quando o assunto é sobre como encontrar uma clínica de recuperação / reabilitação para alcoólatras ou dependentes químicos em São Paulo SP, Minas Gerais, Rio de Janeiro, Bahia, entre outros estados ao redor de todo o Brasil que tenha um tratamento de qualidade que trabalhe com humanidade e respeito.

Muitos aspectos podem pesar e muito na hora de escolher uma unidade de recuperação/reabilitação de dependência química ou alcoólica, sobretudo quando o assunto é a estrutura física do local, o tempo sugerido para o tratamento de dependência química e alcoolismo hoje em dia para primeira internação é em média de 3 a 6 meses, podendo ser flexibilizado dependendo da disponibilidade de tempo do paciente para realizar o seu tratamento.

Consideram -se 6 meses o período ideal hoje em dia para o processo de recuperação da dependência química ou álcoolica pois nesse tempo o paciente acolhido consegue fazer una desintoxicação física acelerada por completo pela introdução de diversas terapias ocupacionais e várias atividades físicas. 

Além disso, também é possível inserir o tratamento psicoemocional no paciente internado ao qual tem como fator principal a reorganização do paciente enquanto indivíduo e no contexto social. Todos os dias, o acolhido/hóspede passará por uma rotina completa de atividades que contempla um cronograma cuja finalidade é trabalhar os comportamentos, os pensamentos e suas atitudes.

Para uma recuperação bem saudável e sólida e segura, é necessário, sobretudo, que haja uma cooperação coletiva entre família, profissionais qualificados e acolhido/hóspede. 

A dependência química é, sobretudo, uma doença considerada crônica. Desta forma, precisa de tratamento sim para toda a vida.


* Esta publicação é de responsabilidade do anunciante e não representa, necessariamente, a opinião do Diário de Uberlândia.

 
Tags »
Notícias Relacionadas »
Comentários »