02/04/2020 às 11h28min - Atualizada em 02/04/2020 às 11h28min

Procon de Uberlândia recomenda suspensão de bandeiras tarifárias de energia

Medida busca evitar possíveis aumentos no valor da cobrança do serviço

DA REDAÇÃO

Diante da situação de pandemia provocada pelo novo coronavírus, a Superintendência de Proteção e Defesa do Consumidor de Uberlândia (Procon) recomendou às distribuidoras de energia elétrica a suspensão da aplicação do sistema de bandeiras tarifárias, evitando possíveis aumentos no valor da cobrança. O documento foi expedido nesta quarta-feira (1º) pelo superintendente do órgão, Egmar Sousa Ferraz.
 
A medida visa a garantia de que o serviço seja prestado sem onerar o consumidor durante o momento da Covid-19. No atual modelo estabelecido pela Agência Nacional de Energia Elétrica (Aneel), as bandeiras tarifárias dos tipos amarela, vermelha patamar I e vermelha patamar II elevam o preço cobrado pela prestação de serviço. A recomendação do Procon orienta que a adoção destas bandeiras seja suspensa, a fim de que não haja acréscimo de valores.
 
O documento ainda prevê que as companhias elétricas realizem campanhas de orientação sobre utilização racional do recurso. Ferraz explicou que a iniciativa é de extrema importância para a população. “Estamos chamando a atenção da Aneel para não onerar a cobrança neste momento de isolamento domiciliar. Isso é fundamental para um grande número de famílias”, destacou.




















 

Tags »
Notícias Relacionadas »
Comentários »