24/02/2020 às 08h33min - Atualizada em 24/02/2020 às 08h33min

Moda fitness masculina: 5 dicas para não errar na hora de treinar

PUBLIEDITORIAL

Foi-se o tempo que ir para academia significava pegar a camiseta mais velha, pesada e se incomodar com a roupa usada durante o treino. Tudo evoluiu e com a tecnologia aplicada aos tecidos não foi diferente. Hoje encontramos no mercado os mais variados tecidos para as diferentes atividades. E com isso, os homens podem ficar ligeiramente perdidos com tanta oferta. 

O que escolher para que o tempo na academia seja agradável e ao mesmo tempo, sua performance não seja atrapalhada?  Está na hora de você conferir essas 5 dicas sobre moda fitness masculina - como não errar na hora de se vestir ou escolher o que usar para se exercitar. Vamos lá? 

Escolha sempre algo confortável 
Conforto é o primeiro item e sem dúvida o mais importante. Usar uma bermuda fitness que aperta, que incomoda, que arranha e causa lesão na pele vai fazer você encerrar seu treino muito antes do que você planejou. 

Liberdade de movimento 
Lembre-se que você irá se agachar, levantar, pular, correr, levantar peso, ficar de ponta cabeça... Tudo depende da atividade que você irá exercitar, mas independente de qual seja, você precisa ter liberdade de movimento.  Não dá pra usar um short que se você vai fazer um movimento de afundo, ele limita a sua coxa. Não rola. Ou então, aquela camiseta que enrosca no braço quando você vai fazer supino. Portanto, encontre o tamanho ideal das roupas e nem sempre aquela camiseta enorme, vai te ajudar a treinar. O ideal, muitas vezes, são regatas, justamente por não limitarem o movimento. Shorts mais justos, acima do joelho, também entram na mesma categoria, de não limitar o movimento. Para outras atividades, como corrida, calças de compressão, no inverno, ajudam, pois não limitam o movimento e não causam atrito. 

Escolha tecidos adequados 
Embora o algodão ainda seja a escolha de muitos para camisetas, os mais aficionados em esporte certamente já tem ou já viram uma camiseta Dry Fit.  A tecnologia Dry Fit permite que o suor seja rapidamente evaporado do tecido, o que permite maior troca de ar entre o ambiente e a pele. Ou seja, faz com que você se sinta mais confortável também. Há bermudas com a mesma tecnologia. Entre os materiais mais comuns para roupas esportivas, encontramos a poliamida, elastano e poliéster. A poliamida é um tecido que não amassa e permite boa troca de calor, ou seja, seca rápido. Já o elastano é bom para alongamentos. Tudo depende da atividade que você vai exercer. Roupas de compressão são bastante utilizadas, pois aliviam a fadiga, facilitando a recuperação muscular. Ajudam muito não só a você não sentir frio, mas na performance. Vale a pena investir em calças, bermudas ou meias com a tecnologia. 

Evite erros grosseiros 
Se você vai malhar direto do trabalho, leve uma bolsa com a roupa apropriada e não esqueça as meias. Não dá pra treinar de tênis e meia social! As meias sociais não são feitas de tecido adequado para suportar um treino de academia. Sempre traga meias próprias, de algodão, que irá fazer com que seus pés fiquem ventilados e não causam lesões na superfície, devido ao atrito. 

Cuidado com Acessórios 
Não use inúmeros acessórios, como relógios pesados e robustos, bem como várias pulseiras. Elas acabam atrapalhando. Retire-as para malhar. 
Se você gosta de malhar com relógio, opte por modelos mais esportivos e leves, próprios para isso. Na hora de pensar em fones de ouvido, para ouvir aquela playlist caprichada, opte por modelos que se adaptam totalmente à parte superior da sua cabeça. Aí você não corre o risco deles ficarem caindo ou pior...Enroscar em algum equipamento. Os melhores assessórios para malhar ainda são um bom par de luvas para musculação e uma garrafa de água. O resto você pode ir bem sem à academia. 

*O conteúdo desta publicação é de responsabilidade do anunciante e não representa, necessariamente, a opinião do Diário de Uberlândia.











 

Tags »
Notícias Relacionadas »
Comentários »