17/02/2020 às 10h56min - Atualizada em 17/02/2020 às 14h12min

Mulher é internada em estado grave após ser esfaqueada pelo ex em Uberlândia

Homem teria tentado assassinar a vítima por não aceitar o fim de relacionamento; crime foi neste domingo (16)

DA REDAÇÃO
Mulher foi socorrida por vizinhos e encaminhada à UAI São Jorge | Foto: Diário de Uberlândia
Uma mulher de 37 anos foi internada em estado grave, na noite deste domingo (16), após sofrer uma tentativa de homicídio. O autor do crime, um homem de 54 anos, esfaqueou a vítima por não aceitar o fim do relacionamento. 

Segundo informações da Polícia Militar (PM), o crime ocorreu por volta das 20h. O homem chegou na casa da vítima apresentando sinais de embriaguez e iniciou uma discussão. Em determinado momento, o autor foi até a cozinha para pegar uma faca e esfaqueou a mulher.

O crime foi presenciado pelo filho do casal, um adolescente de 14 anos. 
Testemunhas relataram aos policiais que os dois vinham se desentendendo e teriam rompido o relacionamento, porém o homem ainda tinha livre acesso à residência da vítima. A mulher estaria ajudando o autor a procurar uma nova moradia. 

A vítima foi socorrida por vizinhos em um veículo particular e levada para a Unidade de Atendimento Integrado (UAI) do bairro São Jorge. Os enfermeiros da unidade informaram que ela tinha lesões na cabeça, no braço, na mão, peito e pulmão. 

Após atendimento inicial, a mulher foi transferida para o Hospital de Clínicas da Universidade Federal de Uberlândia (HC-UFU) devido a gravidade dos ferimentos. Na tarde desta segunda-feira (17), a asssessoria de imprensa do local confirmou que a vítima continua internada e o estado de saúde dela é estável. 

O homem fugiu a pé em direção ao anel viário. A PM realizou monitoramento na região a fim de localizar o autor, mas receberam informações de que o mesmo tinha dado entrada na UAI Pampulha. O autor foi socorrido com diversas lesões pelo corpo e com uma corda presa no pescoço. Os policiais acreditam que ele teria sido agredido por populares após fugir do local do crime e pode ter tentado suicídio.

Os pertences do homem foram identificados, apreendidos e recolhidos para a delegacia. O Diário de Uberlândia entrou em contato com a Secretaria Municipal de Saúde que informou que ele permanece em observação médica acompanhado de escolta policial.








 
Tags »
Notícias Relacionadas »
Comentários »