20/01/2020 às 15h06min - Atualizada em 20/01/2020 às 15h06min

Mais oito suplentes assinam convocação para assumir cadeiras

Outros quatro serão informados sobre os procedimentos para início dos trabalhos na Câmara de Uberlândia

VINÍCIUS LEMOS
Antônio Carrijo em reunião com os suplentes dos vereadores afastados | Foto: CMU/Divulgação
Oito vereadores suplentes estiveram na Câmara Municipal de Uberlândia na manhã desta segunda-feira (20) para uma reunião com a mesa diretora por força de convocação para que possam tomar posse até o início do próximo mês. Outros quatro convocados não compareceram e até o dia 3 de fevereiro deverão ser informados sobre os procedimentos a serem adotados para o início dos trabalhos no legislativo.

O procedimento faz parte do regimento interno da Câmara e segue ainda recomendação do Ministério Público Estadual (MPE). Foram à reunião para assinar a convocação os suplentes Amado da Silva Nunes Júnior (PSC), que entra no lugar de Ronaldo Alves; Antônio Borges Freitas Tunico (PSB), que ocupa lugar de Vilmar Resende; Charlie Manzi Fernandes (PTC), que assume vaga de Vico; Clayton César Ribeiro da Silva (PP), no lugar de Pâmela Volp; Edilson José Graciolli (PC do B), que ocupa cadeira de Marcio Nobre; Eduardo Borges de Moraes (PSC), na vaga de Ceará; Gláucia Buíssa Galante (PMN), que assume no lugar de Doca Mastroiano; e Heliomar Cândido Pereira Bozó (PSB), que substitui Wender Marques.

“É um trâmite legal que você é obrigado a convocar por escrito e chamamos todos eles. Quem não compareceu hoje vai ser convocado em casa”, explicou o presidente interino da casa, Antônio Carrijo (PSDB).

O secretário de Obras e suplente no Legislativo, Norberto Nunes (PSDB), não esteve na reunião e já é esperado que ele envie um comunicado oficial de desistência da vaga. Carlito Cordeiro seria o próximo nome da lista na coligação. Delfino Rodrigues (PT) informou à mesa diretora que está em viagem, mas que vai assinar para assumir o cargo posteriormente. Ao mesmo tempo, Liza Prado (Pros) não esteve na reunião, mas havia a expectativa de que ela assine a convocação e também tome posse. Já Marcos Gomes, o Marquinho do Megabox, ainda não se pronunciou oficialmente à Câmara. Ao Diário, ele informou que fará uma reunião com o PT para se posicionar.

No dia 27 de janeiro haverá uma reunião especial com a Escola do Legislativo sobre leis orgânicas e regimento interno da Câmara de Vereadores. Os novos assessores também terão a mesma aula, mas com previsão de que aconteça no dia 4 de fevereiro.

Além dos suplentes dos vereadores afastados, as sessões de fevereiro irão contar ainda com mais quatro suplentes dos vereadores que renunciaram ao mandato, totalizando 17 novos integrantes na casa. Entra nessa lista o suplente Odair José, que entraria no lugar de Marcelo Cunha (sem partido), que assumiu a vaga de Ismar Prado. Cunha recorreu de seu afastamento na Justiça e aguarda decisão. Wilson Pinheiro é o único dos que tiveram a prisão preventiva decretada – no caso dele, transformada em prisão domiciliar -, que teve a situação revertida e o mandato reativado.
 
NOVATOS
Dos oito suplentes que assinaram a convocação nesta segunda, sete são novatos na casa. Para Amado da Silva Júnior existe certa insegurança por parte dos suplentes devido à instabilidade pela qual passa a Câmara de Uberlândia. “Insegurança jurídica existe, mas estamos aqui para assumir essa posição para a qual fomos convocados. Vamos ter que nos reinventar, e dá para fazer um trabalho sério”, disse.

Também novo no cargo, Edilson Graciolli afirmou que a questão das mudanças na Casa não atrapalha o andamento dos trabalhos. “Ainda que o mandato seja por um tempo relativamente curto, levaremos adiante os compromissos assumidos na campanha. Já estamos tomando providências para iniciar o mandato”, explicou.

A única veterana na reunião era Gláucia da Saúde, que teve mandato de vereadora entre 2013 e 2016. Ela volta à casa com um cenário diferente, como, por exemplo, o fim da verba indenizatória. “Não dificulta o trabalho e o importante é responder à população da maneira como estiver aqui, como todas as dificuldades”, afirmou.







 
Tags »
Notícias Relacionadas »
Comentários »