31/12/2019 às 08h46min - Atualizada em 31/12/2019 às 08h46min

Fase de testes do Capim Branco começa em maio

Segundo a Prefeitura de Uberlândia, a parte estrutural da Estação de Tratamento de Água (ETA) está praticamente concluída

DA REDAÇÃO
O sistema Capim Branco começou a ser idealizado em 1995, sendo retomado e financiado em 2012 | Foto: Divulgação
O Sistema de Captação e Tratamento de Água Capim Branco deve entrar em funcionamento, na fase de testes, em maio de 2020. Segundo a Prefeitura de Uberlândia, a parte estrutural da Estação de Tratamento de Água (ETA) está praticamente concluída e já foi iniciada a instalação dos equipamentos, como filtros, decantadores, reservatórios, entre outros.

Neste ano, foram instaladas as cinco motobombas responsáveis pela captação de água bruta na represa e bombeamento até a ETA. Na estação, por sua vez, também já foi instalado outro conjunto de cinco motobombas responsáveis por bombear a água tratada até a caixa de transição e, de lá, até o reservatório do bairro Custódio Pereira, pelo sistema de gravidade. A parte dos controladores de automação do sistema que une comandos eletrônicos e manuais está em fase de desenvolvimento e já foram realizados três testes.

Outro ponto realizado em 2019 foi a conclusão de cerca de 5 mil metros de assentamento e a instalação da adutora de água bruta do Capim Branco à margem da Estrada do Pau Furado. A parte da adutora de água tratada está praticamente finalizada, restando a ligação ao anel viário leste, que está sendo realizado desde o mês passado, com a escavação e instalação de um tunnel liner.

O sistema Capim Branco começou a ser idealizado em 1995, sendo retomado e financiado em 2012, durante o segundo mandato do prefeito Odelmo Leão. O investimento da primeira etapa, cuja previsão de entrega é em 2020, será de aproximadamente R$ 336 milhões, financiados e repassados em parcelas pela Caixa conforme o andamento dos trabalhos.











 

Tags »
Notícias Relacionadas »
Comentários »