11/12/2019 às 17h07min - Atualizada em 11/12/2019 às 18h25min

Tentativa de assalto acaba com troca de tiros e menor baleado em Uberlândia

Fato foi registrado nesta quarta-feira (11) em uma padaria; dupla foi surpreendida por policial à paisana

BRUNA MERLIN
Motocicleta utilizada no crime havia sido roubada na segunda-feira (10) na cidade | Foto: PM/Divulgalção
Uma tentativa de assalto a uma padaria terminou em troca de tiros e com um dos autores baleado, na manhã desta quarta-feira (11), no bairro Jardim Europa, em Uberlândia. Uma motocicleta utilizada no crime e uma arma de fogo foram apreendidas.

De acordo com a Polícia Militar (PM), o fato ocorreu por volta das 6h no estabelecimento que fica localizado na rua Risde Attiê. Testemunhas relataram que os autores chegaram na moto e um deles, de 16 anos, entrou no comércio anunciando o assalto.

Um policial, que tinha acabado de sair do horário de trabalho, estava no local no momento da ação e tentou impedir o crime. Após ver a presença do militar, o autor que esperava no veículo começou a atirar contra o oficial que revidou os disparos.

Em determinado momento, a dupla tentou fugir no veículo e continuou disparando contra o policial. Para impedir a fuga, o militar atirou novamente contra os criminosos que se desequilibraram do veículo e correram em direção à avenida Mississipi.

O menor foi encontrado tentando se esconder em uma plantação de milho e mandioca na rua Cascia. Ele foi baleado na perna durante a troca de tiros e socorrido pela PM até o Hospital de Clínicas da Universidade Federal de Uberlândia (HC-UFU). Como ele está sob escolta policial, a unidade de saúde não repassa informações sobre o quadro de saúde. 

A arma de fogo e a motocicleta, que havia sido roubada na segunda-feira (10), foram apreendidas e encaminhadas para a delegacia de Polícia Civil.
Em consulta no sistema, os policiais constataram que o adolescente tem passagens por tráfico de drogas, roubo e homicídio. O outro autor, também menor de idade, já foi identificado e os rastreamentos seguem sendo feitos a fim de localizá-lo. 

Ainda no início da tarde, também foi registrado um boletim de ocorrência por crime de lesão corporal contra o policial em virtude dos disparos contra o adolescente. O comandante do 32° Batalhão da PM, tenente-coronel Sandro Heleno, esclareceu que a arma foi apreendida para perícia e que o militar, embora tenha agido em legítima defesa e para cumprir o seu dever de policial, responderá a processo perante a Justiça Militar. 




 
Tags »
Notícias Relacionadas »
Comentários »