12/11/2019 às 18h05min - Atualizada em 12/11/2019 às 19h02min

Jovem fica internado ao ser atingido por estrutura de ponto de ônibus; veja vídeo

Vítima aguardava ônibus no bairro Pacaembu para ir trabalhar; Diário de Uberlândia conversou com o amigo que está acompanhando a recuperação

BRUNA MERLIN
Um jovem de 21 anos, identificado como Guilherme Rodrigues, está internado no Hospital de Clínicas da Universidade Federal de Uberlândia (UFU) após ter sido atingido pela estrutura de concreto de um ponto de ônibus que desabou no bairro Pacaembu. O fato ocorreu no último sábado (9) e um vídeo do momento do acidente foi compartilhado nas redes sociais.

O amigo da vítima, André Luiz Pires Garcia Filho, contou ao Diário que o fato aconteceu por volta das 13h. O jovem estava esperando o ônibus para ir trabalhar, no ponto que fica na rua Simão Pedro, quando o teto do abrigo desabou sobre a perna dele. As imagens registradas por câmera de segurança mostram ainda que um pedestre passou embaixo da estrutura poucos instantes antes do desabamento. Veja o vídeo abaixo.




Guilherme foi socorrido por testemunhas que passavam pelo local. Ele foi levado por terceiros para a Unidade de Atendimento Integrado (UAI) do bairro Roosevelt e, em seguida, encaminhado para o HC-UFU. André, que está acompanhando a recuperação da vítima, relatou ainda que o amigo passou por cirurgias na unidade e corre o risco de ter parte da perna amputada.

A reportagem entrou em contato com assessoria de comunicação do Hospital de Clínicas que informou que o estado de saúde do jovem é estável. Em relação à possível amputação, a unidade disse que não tem nenhuma indicação para o procedimento.

SEGUNDA VEZ
O assessor técnico da Secretaria Municipal de Trânsito e Transportes (Settran), Flávio Pereira, confirmou que essa é a segunda vez que a estrutura do ponto de ônibus desaba no local. Na primeira, um caminhão encostou no abrigo e o derrubou. Devido a isso, uma nova estutura foi instalada há cerca de três meses, sendo a mesma que caiu sobre o jovem.

Flávio informou ainda que ficou sabendo sobre o acidente pela empresa responsável pelas estruturas e, de imediato, fez a retirada do abrigo. Na segunda-feira (11), a Secretaria emitiu um documento para a empresa e solicitou que as causas do desabamento sejam investigadas. Além disso, como medida, todas as ordens de serviços com a empresa foram canceladas até que se tenha uma solução para a questão. 















 
Tags »
Notícias Relacionadas »
Comentários »