18/03/2019 às 08h00min - Atualizada em 18/03/2019 às 08h00min

Influenciadora radicada em Uberlândia está no reality "O Aprendiz"

Taty Ferreira, influenciadora mineira radicada em Uberlândia, está no programa comandado por Roberto Justus que estreia nesta segunda-feira (18), na Band

ADREANA OLIVEIRA
Taty Ferreira tem mais de 1,6 milhão de inscritos em seu canal no YouTube | Foto: Divulgação
Roberto Justus volta à TV com o reality “O Aprendiz”, formato importado dos Estados Unidos, que chega com uma mudança significativa. No lugar dos empresários, a nova temporada estreia nesta segunda-feira (18) com 18 influenciadores digitais de diferentes segmentos, entre eles, a mineira Taty Ferreira, natural de Araxá e radicada em Uberlândia, escritora e responsável pelo canal Acidez Feminina, que tem mais de 1,6 milhão de assinantes em seu canal no YouTube. O prêmio para o vencedor é R$ 1 milhão. Depois de dez temporadas na Record, onde foi apresentado por Justus e pelo atual governador de São Paulo, João Dória Jr., a atração chega à Band.

Taty Ferreira está em confinamento, mas foi liberada pela Band para responder, por e-mail, às perguntas do Diário de Uberlândia. Na última vez que figurou em nossas páginas ela divulgava o segundo livro, “Doces dias ácidos” (2017), sucessor de “Manual da mulher bem resolvida” (2015).

“Diferente do primeiro livro, auto ajuda que de alguma maneira incentiva a autocrítica, o ‘Doces dias ácidos’ é um romance fictício e só por ter essa premissa já esperávamos que o resultado de vendas fosse ser um tanto quanto menor que o primeiro. Mas ainda assim, seria um sucesso de crítica. A performance tem sido positiva, embora o primeiro tenha mais saída, mesmo agora, depois de três anos do lançamento”, disse a influenciadora que tem 32 anos.

Para ela, é interessante perceber que os leitores se sentem mais confortáveis em dar um feedback, seja ele público, ou privado, através das redes sociais. O que acontece com frequência tanto em blogs e sites de crítica de livros e nos ‘directs’ de seus perfis.

Selecionada para um reality da TV aberta nacional com os maiores influenciadores digitais do Brasil, ela conta como recebeu o convite e o que a motivou a aceita-lo. “Foi uma novela! Ficamos falando sobre o projeto há quase um ano antes dele se concretizar, em fevereiro. Foi ótimo para mim, que eu tenho uma bebê de um ano e quatro meses e quanto mais tarde o projeto acontecesse menos dolorido seria me dedicar integralmente a ele, ficando afastada dela”, explicou.

Mas desde o início Taty considerou o convite uma ótima oportunidade de mostrar mais não só a maneira como trabalha, mas sua personalidade. “Querendo ou não, o que as pessoas veem nos vídeos e redes sociais é uma versão editada e filtrada de quem eu realmente sou”.

Sobre como o meio digital pode ajudar mulheres a encontrarem sua autoestima e como ela consegue tempo para fazer tudo que precisa, Taty comenta que uma das razões pelas quais se sentiu motivada a aceitar a proposta do “Aprendiz”. Quer mostrar para homens e mulheres da sua faixa etária que não é porque tem um relacionamento estável, ou porque é mãe que não pode me dedicar a uma oportunidade marcante para seu trabalho, sem remorso e sem culpa.

“Não digo que não é dolorido e difícil ficar longe da minha família. É, sim, bastante complicado. Mas não é tão complicado a ponto de ter que ser um impeditivo para que eu dê atenção a outros aspectos que são também importantes para mim, como o reconhecimento e o prazer em trabalhar. Acredito que a melhor maneira de influenciar pessoas ou motivá-las seja através do exemplo e do incentivo à auto analise e é isso que gosto de fazer no meu canal e no meu trabalho. De maneira simples, clara e leve. Como acho que a vida tem que ser”, afirmou.

Ela assistiu a alguns episódios esporádicos do reality, mais para entender a dinâmica de produção e edição do programa do que para basear suas decisões ou tentar prever qualquer coisa. Taty acredita que seu ponto forte pode vir a ser o seu ponto fraco: o fato de ser muito tranquila e tentar não se afobar com demandas e tarefas. “Acredito que posso cumpri-las com eficiência seja como for. Mas num reality show no qual as pessoas competem entre si, mas ainda jogam em grupos, a tranquilidade pode, muitas vezes, ser vista como apatia. E, como o Justus gosta de repetir, não basta ser, tem que parecer. E apatia, claramente, não é uma impressão boa a se passar nesse caso”, finalizou.

Agora, é só acompanhar toda segunda feira a noite na Band para ver se ela conseguiu mesmo passar essa impressão. “O Aprendiz” estreia nesta segunda-feira, às 22h, com episódios semanais sempre neste dia e horário.

LYFESTILE

Com 3 milhões de seguidores no Instagram, Thássia Naves se fortalece como marca


EUSÉBIO MENDES/DIVULGAÇÃO
Thássia Naves afirmou que vai acompanhar “O Aprendiz” pela TV


Taty Ferreira não está sozinha entre as top influenciadoras de Uberlândia. Thássia Naves, que neste mês comemora 10 anos do “Blog da Thássia”, celebra ainda a sua consolidação como marca. “No início do blog, nos primeiros anos, comecei a notar o crescimento dele a partir do momento que ficou nacionalmente conhecido. Quando percebi que o blog era uma oportunidade de negócio - porque inicialmente não era -  comecei a pensar em oportunidades maiores para o fortalecimento da marca Thássia Naves”, disse a influenciadora ao Diário de Uberlândia.

Segundo ela, com as redes sociais a audiência se dividiu, mas o blog, agora site, ainda é relevante com uma boa audiência, assim como suas redes sociais. No Instagram ela já ultrapassou a marca de 3 milhões de seguidores. “O fortalecimento da minha marca foi importante nesse processo, e criar conteúdos únicos também, como o meu Look Do Dia, o #Thássia Te Leva, o #ThassiaInMotion, o Bazar da Thássia, o documentário, o meu livro ‘Look’, entre tantas coisas”, explicou.

Para ela, o influenciador para se manter relevante em sua área tem que investir na própria ideia dentro de sua própria linguagem. É importante sair na frente e ter amor e principalmente dedicação. Thássia gostou da ideia de ter um reality como “O Aprendiz” com influenciadores digitais.

“É fantástico hoje a nossa profissão ter destaque em uma emissora de TV aberta. É uma oportunidade de mostrar o ‘backstage’ da profissão. Estamos entre as profissões mais procuradas, que valoriza muito o empreendedorismo, o self-made. Muitos imaginam que a rotina do influenciador é só aquilo que é postado, mas vai além. Somos donos do nosso negócio, e por isso, temos que ter disciplina, foco, entender o business de forma macro, estabelecer metas, objetivos, alcança-las e executá-las”, disse Thássia, que afirmou que vai acompanhar o programa porque tem muita gente bacana participando, de diferentes áreas.

O ano de 2019 tem sido marcante para a influenciadora uberlandense que além dos 10 anos do blog completou 30 anos e se casará em breve. “Me sinto feliz demais em chegar aos 30 anos dessa forma, realizada com tudo. E ainda teremos muito mais projetos diferentes em diferentes plataformas e redes”, disse.

Sobre o casamento, Thássia afirma que está mais tranquila com sua proximidade. “Me planejei com antecedência e estou mais tranquila do que meses atrás. Mas vai chegando mais perto e não sei se continuarei tranquila”, brincou.

PARTICIPANTES “O APRENDIZ”

Alberto Solon (moda)
Alice Salazar (beleza)
Carlos Santana (humor)
Erasmo Viana (fitness)
Gabi Lopes (lifestyle)
Gabriel Gasparini (gastronomia)
Jessica Belcost (moda)
Julia Mendonça (finanças)
Karla Amador (decoração)
Leo Bacci (humor)
Lucas Estevam (turismo)
Montalvão (games)
Nana Rude (cultura pop)
PC Siqueira (cultura pop e tecnologia)
Ru Baricelli (maternidade)
Sandra Matarazzo (gastronomia)
Taty Ferreira (comportamento)
Xan Ravelli (beleza)
 

Tags »
Notícias Relacionadas »
Comentários »