01/03/2019 às 07h51min - Atualizada em 01/03/2019 às 07h51min

HC-UFU registra aumento em doações de órgãos

Número de doações subiu 110% no último ano no Hospital de Clínicas da UFU | Foto: Marco Cavalcanti
Apesar de Minas Gerais ter registrado queda no número de doações de órgãos em 2018, o Hospital de Clínicas da Universidade Federal de Uberlândia (HC-UFU) teve um aumento de 110% nas doações de múltiplos órgãos e tecidos em relação ao ano anterior.

A unidade também registrou redução significativa da taxa de recusa familiar para doação de múltiplos órgãos e tecidos: de 43,75%, em 2017, para 34,48%, no ano passado. O valor é inferior à taxa nacional (44%) e a estadual (66%) de recusa, segundo dados da Associação Brasileira de Transplantes de Órgãos (ABTO).  

"A ampliação dos exames complementares, da agilidade na realização dos testes clínicos, manutenção do potencial doador e a melhoria do acolhimento familiar, tudo isso possibilitou o aumento das doações", destaca a assistente social Lidiane Natalícia Costa, da Comissão Intra-Hospitalar de Doação de Órgãos e Tecidos para Transplantes (CIHDOTT).

Após a autorização das famílias para a retirada dos órgãos, a CIHDOTT elabora um processo com documentos do doador e laudos que comprovam a morte encefálica. Este processo é encaminhado para a Central Estadual de Transplantes do MG Transplantes que é responsável pela distribuição dos órgãos, seguindo o cadastro nacional, e pela logística de captação dos mesmos pelo país. 

Tags »
Notícias Relacionadas »
Comentários »