10/09/2018 às 18h35min - Atualizada em 10/09/2018 às 18h35min

Autuações por excesso de velocidade crescem 192%

Dados são dos quatro dias da Operação 7 de Setembro nas BRs 050, 153 e 365

CAROLINA PORTILHO
Foto: Marcelo Casall Jr./Agência Brasil
A Polícia Rodoviária Federal (PRF) divulgou nesta segunda-feira (10) o balanço da Operação Independência realizada de 6 a 9 nas BRs 050, 153 e 365, de responsabilidade da 15ª Delegacia de Uberlândia. Se o número de acidentes foi praticamente o mesmo que o registrado no ano passado, 8 e 7, respectivamente, o de autuações por excesso de velocidade foi 192% maior em comparação com 2017, ou seja, 1127 contra 386.

“Todo ano o efetivo foca em uma determinada ação e nessa última tivemos uma equipe dedicada nos radares. Infelizmente o resultado é esse crescimento, o que mostra o quanto os motoristas foram imprudentes. Não tivemos mortes nas rodovias e o índice de acidentes se manteve, mas em contrapartida o excesso de velocidade é um dado bastante negativo”, disse o inspetor Bastos em entrevista ao Diário de Uberlândia.

Nesses quatro dias de operação, a PRF fiscalizou 850 veículos e 864 pessoas. Em relação às autuações por ultrapassagens proibidas, esse ano foram 23 contra 39 em 2017, 41% a menos. A polícia também flagrou quem estava sem cinto de segurança. Foram 25 x 16 em 2017.

A Polícia Rodoviária Federal em Uberlândia recebeu reforço do efetivo de Goiás para realização da Operação Independência. A corporação não informou quantos foram deslocados para a delegacia em Uberlândia, mas apontou que em todo o Estado foram 800 policiais trabalhando na operação, 23 radares e 230 etilômetros disponibilizados para o serviço.

Balanço operação 2018
 
Motivo 2018 2017
Acidentes 8 7
Feridos 9 6
Mortes 0 0
Veículos fiscalizados 850 964
Pessoas fiscalizadas 864 1008
Excesso de Velocidade 1127 386
Ultrapassagens proibidas 23 39
Sem cinto de segurança 25 16
Dirigir sob influência de álcool 8 5
Veículos recolhidos 15 14

Operação Independência 2018

Durante os quatro dias, o policiamento foi intensificado por meio de rondas e de posicionamento de viaturas ao longo de trechos mais movimentados e considerados críticos, seja por taxas de acidentes, infrações ou crimes. Também teve abordagem de veículos, utilização de radares pelas rodovias e blitzen em diferentes pontos das rodovias federais em Uberlândia.

Por medida de segurança, a PRF restringiu bitrens, rodotrens, treminhões, cegonheiras carregadas e veículos com cargas excedentes em rodovias federais de pista simples. O motorista que descumpriu a determinação foi multado em R$ 130,16 (infração média), obteve quatro pontos na CNH e teve o veículo retido.
Tags »
Notícias Relacionadas »
Comentários »